As mulheres e bailarinas nas pinturas foto-realistas de Douglas Hofmann

Douglas Hofmann é um artista americano que produz belas pinturas inspirado nas técnicas de pintores clássicos, valorizando o realismo e as formas humanas, especialmente as femininas. Usando majoritariamente tinta a óleo, Hofmann tem entre suas grandes inspirações as formas femininas, lindas mulheres e especialmente bailarinas, retratadas de maneira foto-realista.

Retratando tanto mulheres deslumbrantes e bailarinas individualmente, quanto cenas de ensaios em estúdio com várias bailarinas em seu cotidiano, Douglas Hofmann cria pinturas cheias de vitalidade e que podem passar facilmente despercebidas como fotografias por um olhar menos atento.

Vejam as mulheres e bailarinas nas pinturas foto-realistas de Douglas Hofmann:

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Douglas Hofmann pinturas foto-realistas mulheres dançarinas bailarinas

Imagens via site de Douglas Hofmann.

'Agência em que trabalho vai adotar um código de vestuário informal' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 11/02/2016, com a reprise do comentário do dia 10/04/2015 sobre vestuário e visual no trabalho.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Agência em que trabalho vai adotar um código de vestuário informal'

código vestuário no trabalho dress code

Duas dúvidas sobre um tema semelhante: a apresentação visual. Na primeira, uma ouvinte escreve: "Sou atendente em uma empresa e solicitei permissão de minha gerente para tingir os cabelos num tom laranja. Ela consentiu, eu tingi e uma semana depois ela me chamou à sala dela, me explicou que o tom do meu cabelo estava chamando demasiadamente a atenção dos clientes e me pediu para remover a tintura. Isso pode ser considerado uma arbitrariedade?"

Não. Arbitrariedade seria a empresa ordenar que todos os funcionários tingissem o cabelo da mesma cor. Como você tem contato direto com o público, a empresa pode lhe solicitar que seu visual não chame mais a atenção do que o seu trabalho.

E a segunda dúvida. Um ouvinte escreve: "Trabalho em uma agência de design, que pretende introduzir um código de vestuário informalíssimo, permitindo que cada funcionário venha trabalhar vestido como quiser, incluindo bermuda e camiseta para quem assim preferir. Nós nunca solicitamos que isso fosse feito e não entendemos o motivo. Há explicação?"

Sim, há uma: marketing. Como devem existir muitas agências que concorrem com a sua, e como os clientes não são muitos, um visual bem informal seria um diferencial. O passo seguinte seria a direção da sua agência conseguir uma entrevista em uma revista especializada. E essa divulgação certamente renderia muito mais do que qualquer propaganda. O importante, porém, é que o novo código respeite o desejo de quem quiser continuar a se vestir como sempre se vestiu, como é o seu caso, já que o objetivo é agradar a todos e a cada um.

Max Gehringer, para CBN.

As ilustrações de personagens de terror de Dennis Carlsson

Dennis Carlsson é um artista sueco, que produz arte tanto profissionalmente quanto em seu hobby. Atuando profissionalmente como tatuador, suas tatuagens são verdadeiras obras de arte. Entretanto, é o fruto do seu hobby que trago aqui. Em seu tempo livre, Dennis Carlsson gosta de criar ilustrações digitais em speed painting, gravando o processo em seu canal do youtube.

As ilustrações de Dennis Carlsson vão desde caricaturas clássicas a fan-arts de personagens de quadrinhos/filmes, passando por ilustrações originais com temas de terror. E são as ilustrações desta última categoria que trago aqui. São ilustrações com personagens de terror, com muitos zumbis e monstros apodrecidos, além de reimaginações de personagens da cultura pop (como Carnificina, Freddy Krueger e Pennywise - o palhaço macabro de It, de Stephen King), em seu próprio estilo sombrio.

Vejam as ilustrações de personagens de terror de Dennis Carlsson:

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Dennis Carlsson disse86 deviantart ilustrações fantasia personagens cultura pop terror horror sombrio

Imagens via perfil de Dennis Carlsson no DeviantArt. Dica via The Design Inspiration - Tree Demon.

Existem empresas que adotam o modelo de trabalho parcial em casa? - by Max Gehringer

8:52 AM by Andarilho

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 10/02/2016, com a reprise do comentário do dia 02/04/2015 sobre empresas que adotam o modelo parcial de trabalho em casa.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Existem empresas que adotam o modelo de trabalho parcial em casa?

trabalho em casa

Uma ouvinte escreve: "Metade do trabalho que executo precisa ser feito no escritório da empresa, mas a outra metade poderia ser feita em casa. Procurei meu chefe e propus que eu só viesse ao expediente na parte da manhã e trabalhasse a tarde em casa. No dia seguinte, ao chegar, eu mostraria o que havia feito na tarde anterior, para ele ver que a minha produtividade em casa seria até maior do que no escritório.

Ele negou o meu pedido, afirmando que mais gente iria querer a mesma regalia e a situação poderia fugir do controle. Fiquei chateada por ele ter negado sem nem pensar no assunto e, mais ainda, por ele ter classificado o meu pedido como regalia. Pergunto se existem empresas que adotam esse modelo de trabalho parcial em casa?"


Sim, existem e em número crescente. Além de custar menos para a empresa, o trabalho em casa costuma ser mais eficiente, como você diz, por ser menos sujeito a distrações. Porém, em todas as empresas que adotaram esse modelo, a decisão sempre veio do alto. Foi uma medida coletiva, analisada e colocada em prática, e não uma decisão de um chefe só, a partir de um caso isolado.

O que seu chefe quis lhe dizer e não disse claramente, é que ele não tem autoridade suficiente para atender a seu pedido. Mas ele poderia ter levado a sugestão ao superior dele, para que a direção da empresa avaliasse a quantos outros setores a medida poderia ser estendida e estabelecesse os critérios para que ela pudesse ser implantada. Em resumo, o seu chefe foi prudente, mas foi também omisso.

Max Gehringer, para CBN.

As fotografias emotivas e com um ar de conto de fadas de Laura Makabresku

Laura Makabresku é uma artista e fotógrafa polonesa. Criando fotografias inundadas com simbolismos místicos e uma atmosfera de contos de fadas, Laura Makabresku captura em imagens, emoções e angústias do ser feminino, especialmente da adolescência, mas não restrita a ela.

Contos de fadas são geralmente associadas à infância, servindo como modelos mentais e de aprendizado. Entretanto, ao crescer e chegar à adolescência e depois à fase adulta, a menina-mulher se confronta com o mundo, que nem sempre tem finais felizes. O trabalho de artistas como Laura Makabresku retrata bem esse atrito, neste caso em forma de fotografias, cheias de emoção e com um clima por vezes sombrio e surreal de contos de fadas.

Vejam as fotografias emotivas e com um ar de conto de fadas de Laura Makabresku:

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Laura Makabresku deviantart fotografia emotiva contos fada surreal sombria mulheres adolescentes

Imagens via perfil de Laura Makabresku no DeviantArt.

Blog Widget by LinkWithin