2017-08-03

É preciso ter cuidado ao fazer comentários aos chefes - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 03/08/2017, com um ouvinte que pensa em alertar o gestor de outra área que seu subordinado recém-contratado, que o ouvinte conhece bem, é um mentiroso.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

É preciso ter cuidado ao fazer comentários aos chefes

conversando com o chefe

Um ouvinte escreve: "Trabalho em uma empresa grande e boa. Gosto do ambiente e sei que a empresa é muito ética. Aí é que entra um problema, que é mais da empresa do que meu. Há alguns dias, ela contratou um funcionário que eu conheço bem, porque fomos colegas de faculdade. Em resumo, ele é um mentiroso contumaz: ele inventa histórias, exagera o que fez, atribui a si coisas que foram feitas por outros.

Ele não está no mesmo setor que eu, mas eu conheço o gestor do setor dele. Devo de alguma maneira sutil, prevenir o gestor sobre essa característica negativa do novo subordinado dele?"


Não! Você não deve. Além de não ser sua atribuição, você estaria fazendo uma acusação que só poderia comprovar com suas próprias palavras. E o novo contratado poderá reagir contando algo negativo sobre você, talvez até uma mentira, já que essa parece ser a especialidade dele.

Mas mesmo assim, você estaria entrando em uma discussão para a qual não foi convidado e pode vir a se desgastar com ela.

Se a sua empresa é muito ética, como você diz, dificilmente ela deixará um mentiroso durar muito tempo. Você precisa também acreditar que um gestor possui suficiente experiência para detectar eventuais mentiras contadas por seus subordinados. Se você percebeu isso na faculdade, não há como o gestor não perceber na empresa.

Portanto minha sugestão é que você continue a fazer bem o seu trabalho e deixe o gestor fazer o dele.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin