2013-03-25

Cores vibrantes na fotografia de alta velocidade de Fabian Oefner

Fabian Oefner é um fotógrafo suiço apaixonado por fotografia, cores, arte e ciência. Usando como ferramenta a fotografia de alta velocidade, Oefner mistura o olhar curioso sobre fenômenos corriqueiros com a beleza visual de cores vibrantes, fotografando momentos únicos.

Neste post, apresento algumas das fotografias de Fabian Oefner em quatro de suas séries. Em comum elas apresentam cores fortes e vibrantes, além de resultarem de experimentos científicos simples, mas não simplistas.

A primeira série é "Black Hole" (Buraco Negro), em que o artista captura imagens de vários tons de tintas sendo arremessados por uma força centrífuga. Para conseguir as imagens, Oefner usou um bastão metálico conectado a uma furadeira. Depois ele joga vários tons de tinta acrílica neste bastão e liga a furadeira. A câmera, previamente preparada para disparar milisegundos depois, captura belas imagens. Vejam:

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência tinta furadeira

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência tinta furadeira

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência tinta furadeira

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência tinta furadeira

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência tinta furadeira

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência tinta furadeira

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência tinta furadeira

Vídeo que mostra o processo das fotos da série Black Hole:


Fabian Oefner - Black Hole from Fabian Oefner.

A segunda série é "Dancing Colors" (Cores Dançantes). Nela, Fabian Oefner colocou pigmentos coloridos em cima de uma caixa de som. Ao ligar o som, os grãos eram levantados no ar pela vibração da caixa, e uma câmera de alta velocidade, com um flash ligado ao microfone, era ativada, produzindo fotos onde em cores, conseguimos enxergar o som daquele momento. Vejam:

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência caixa de som música

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência caixa de som música

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência caixa de som música

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência caixa de som música

A terceira série é "Iridescence" (Iridescência) e mostra bolhas de sabão multicoloridas momentos antes de estourarem e se transformarem apenas em gotículas de água e sabão. Vejam:

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência bolhas de sabão

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência bolhas de sabão

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência bolhas de sabão

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência bolhas de sabão

E a quarta e última série é "Millefiori". Millefiori é um termo originado do italiano (mille = mil, fiori = flores) que dá nome a uma técnica que produz padrões decorativos (mosaicos) em peças de vidro, sobretudo com padrões de flores. Na série de Oefner, as imagens não são formadas por vidros, mas por ferrofluido misturado a água e tinta. O ferrofluido é uma solução magnética com uma viscosidade parecida com óleo de motor. Sob um campo magnético, as partículas de ferro na solução começam a se rearranjar, formando canais negros e separando a água colorida do ferrofluido. O resultado são as imagens abaixo:

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência ferrofluido magnetismo

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência ferrofluido magnetismo

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência ferrofluido magnetismo

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência ferrofluido magnetismo

Fabian Oefner fotografia alta velocidade cores vibrantes ciência ferrofluido magnetismo

Imagens via site de Fabian Oefner. Dica via Colossal - Black Hole: Photographs of Paint Flung by Centrifugal Force by Fabian Oefner.

5 comments:

Ana P. said...

é muito bonito, mas como sou ogrinha, às vezes eu vejo essas fotografias de nada e não consigo achar que é arte.

sou burrinha pra isso!

Andarilho said...

Depende da sua definição de arte. E digo "sua" porque não existe uma definição aceita universalmente.

Sentimental ♥ said...

Lindo!

Anonymous said...

Adorei, muito legal que tenha a explicação junto.

Anonymous said...

Adorei, ainda mais que tem a explicação. Para a Ana P: "arte" é ver a beleza, se vc viu a beleza, viu a arte.

Blog Widget by LinkWithin