2018-02-15

'Colocar pessoas como referência no currículo funciona?' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 15/02/2018, com três requisitos para se colocar pessoas como referência no currículo.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

'Colocar pessoas como referência no currículo funciona?'

referências no currículo

Um ouvinte pergunta: "Colocar pessoas como referências no currículo, funciona?"

Sim, se os profissionais que você mencionar preencherem três requisitos.

Primeiro: ocupar, ou ter ocupado, um cargo de relevância, preferencialmente gerencial.

Segundo: que as empresas em que esses profissionais trabalham, ou trabalharam, sejam minimamente conhecidas no mercado.

E terceiro: que a referência seja completa, com nome do profissional, a empresa atual, o cargo ocupado e o número de telefone para contato.

Para isso, você precisará conversar previamente com cada uma dessas pessoas e obter autorização delas para a inclusão em seu currículo. De modo geral, quando um profissional permite que isso seja feito, existe uma concordância tácita de que as referências serão positivas.

Agora, vamos ao que não deve ser feito. Há quem coloque o ex-chefe como referência, sem ter solicitado autorização para isso, assumindo que, se não houve nenhum atrito durante o tempo de convivência, haverá o aval do ex-chefe, caso ele seja consultado.

Nem sempre isso ocorre. Há ex-chefes que darão somente informações vagas e neutras, o que, para um recrutador, equivale a uma recomendação para não contratar.

E finalmente, boas referências são um ingrediente apreciável em currículos. Os recrutadores as levam a sério e costumam checá-las. E quanto mais alto o cargo do referenciado e mais conhecida a empresa dele, mais eficaz será esse contato.

Max Gehringer, para CBN.


Nenhum comentário:

Blog Widget by LinkWithin