2018-02-22

Transferência temporária para o exterior é alavanca para a carreira - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 22/02/2018, com um ouvinte que recebeu uma proposta de uma transferência temporária para o exterior, mas que não tem certeza pois só ouviu falar mal do país em que iria.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

Transferência temporária para o exterior é alavanca para a carreira

trabalhando no exterior

Um ouvinte escreve: "Trabalho em uma multinacional e me foi oferecida uma transferência temporária, para um país do qual sei bem pouco, mas que quando aparece no noticiário, é sempre por razões negativas. Estou pensando em recusar, mas apreciaria saber a sua opinião."

Bom, você precisa de mais informações antes de se decidir. Através de seus contatos em redes sociais, procure encontrar alguém que trabalhou no dito país, ou conhece alguém que trabalha, ou que viajou para lá.

Como você sabe, a imprensa relata não a rotina, mas as exceções. E notícias ruins tendem a gerar mais atenção de leitores do que notícias boas ou neutras.

Veja o caso do nosso querido Brasil, por exemplo. Se você fosse cidadão de outro país e lesse tudo o que vem sendo noticiado nos últimos tempos, sobre criminalidade e corrupção, você aceitaria uma transferência para vir trabalhar aqui?

Provavelmente você se sentiria tentado a não vir. Mas, se conversasse com alguém que vive e trabalha aqui, ouviria que a situação está longe de ser a ideal, mas nem por isso os brasileiros estão todos escondidos embaixo da cama, esperando por melhores tempos.

Uma transferência temporária para o exterior costuma ser uma bela maneira de alavancar a carreira. E oportunidades como a que você recebeu são raras. Sugiro que você não a dispense sem antes se assegurar de que os riscos pessoais serão, de fato, maiores do que os benefícios profissionais.

Max Gehringer, para CBN.


Nenhum comentário:

Blog Widget by LinkWithin