2015-04-09

'Tive acesso a um e-mail de uma colaboradora falando mal de mim e do meu trabalho' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 09/04/2015, com uma ouvinte que conseguiu o e-mail de uma subordinada que falava mal dela.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Tive acesso a um e-mail de uma colaboradora falando mal de mim e do meu trabalho'

fofoca no trabalho

Uma ouvinte escreve: "Sou coordenadora de um setor e tive acesso a um e-mail de uma subordinada minha, no qual ela fala mal de mim e do meu trabalho. O que devo fazer?"

Se você quiser ser profissional, eu lhe diria que você deve tentar entender o motivo da crítica e procurar consertar a situação com atitudes que mostrem que você não é nada do que a subordinada disse. Ou, caso seja, que está disposta a deixar de ser.

Digo isso porque ter acesso a e-mails internos, sem o conhecimento de quem os escreve, é uma situação complicada. Empresas podem fazer isso. Mas a ética manda informar antecipadamente a todos os empregados que isso será feito.

Se esse não for o caso em sua empresa e se você chamar a subordinada para conversar, terá que explicar a ela como o e-mail chegou até você. E aí, das duas, uma. Ou você o acessou ou uma pessoa o entregou a você. Se você responder à subordinada que isso não vem ao caso, estará criando um segundo problema sem ter resolvido o primeiro.

Tome também o cuidado de não começar a tratar essa subordinada de maneira diferente. O fato de você saber a opinião dela não significa que as opiniões dos demais subordinados sejam todas favoráveis a você. Passar a tratá-la com indiferença ou com mais severidade, ou até mesmo cogitar demiti-la, pode lhe trazer dissabores, tanto em relação a ela, quanto a quem eventualmente concorde com ela.

Em resumo, ter subordinados traz alegrias e frustrações. A maneira como você irá administrar essa situação mostrará a seus subordinados que tipo de coordenadora eles tem. E eu tenho certeza de que você saberá aproveitar bem essa oportunidade.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin