2017-02-01

'Fui aprovada em concurso público e preciso trabalhar até ser chamada' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 01/02/2017, com uma ouvinte que passou num concurso público, mas ainda não foi chamada e precisa arranjar um emprego enquanto isso.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

'Fui aprovada em concurso público e preciso trabalhar até ser chamada'

mulher estudando para concurso público

Uma ouvinte escreve: "Há dois anos tomei a decisão de deixar o meu emprego para me dedicar exclusivamente a estudar para um concurso público. Para poder me manter durante esse período, fiz uma poupança. Pois bem, consegui passar no concurso, mas a vaga foi temporariamente suspensa e a previsão é que seja liberada em algum momento incerto e não sabido. Como minha poupança está se esgotando, preciso retornar ao mercado de trabalho, só que vou precisar pedir a conta quando a vaga pública for liberada. Como posso abordar essa situação em uma entrevista?"

Bom, se você for fazer uma entrevista para um emprego fixo e omitir a informação de que pretende ficar pouco tempo na empresa, isso não seria nem um pouco ético. E se você for ética e abrir sinceramente o jogo, é quase impossível que seja contratada.

Uma exceção seria telemarketing, um ramo de atividade que tem uma rotação altíssima e nesse caso, você não seria recriminada por sair em curto prazo. Mas aí depende de quanto você pretende ganhar nessa fase transitória, porque o salário não é alto.

Outra opção seria você procurar uma agência de serviços temporários, porque aí não haveria conflitos. Você fica pelo tempo que for necessário, presta serviço a diversas empresas e sai quando quiser, avisando com um mês de antecedência. Talvez não seja a solução ideal, mas é uma que não vai prejudicar nem a você e nem a uma empresa.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin