2011-10-10

Os perigos dos programas 'erro zero' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 10/10/2011, sobre o perigo de programas 'erro zero', em que o funcionário sofre uma séria punição caso cometa qualquer erro.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Os perigos dos programas 'erro zero'

erro zero

Um ouvinte está numa sinuca. Ele escreve: "Sou gerente de uma empresa do setor de transportes e tenho dezoito subordinados diretos. Faz uma semana, propús ao meu diretor um programa chamado 'erro zero', porque eram cometidos enganos diários na preparação das cargas. Por um lado, haverá uma premiação para quem não cometer nenhum erro no mês. E por outro lado, haveria uma punição severa: quem cometesse um erro que pudesse ter sido evitado, seria dispensado.

Meu diretor aprovou o programa e começamos bem, sem nenhum erro nos primeiros cinco dias. Mas no sexto aconteceu um erro, perfeitamente evitável, e o que é pior: cometido pelo funcionário em quem eu mais confio. Agora, se eu não dispensá-lo, o programa 'erro zero' estará morto, ninguém receberá prêmio e ainda vou ter que explicar com o meu diretor, que pode achar que não tenho pulso para tomar decisões drásticas. O que você sugere que eu faça?"


Bom, em seu lugar, eu não dispensaria o melhor funcionário do setor somente porque um programa cruel foi colocado em prática. A situação teria sido contornada com antecedência com a mais elementar das medidas: quem erra, não recebe o prêmio do mês.

A dispensa por um único erro é uma medida tão desvairada que a empresa poderá até ter problemas na Justiça do Trabalho, caso o funcionário entre com uma reclamação.

Eu sugiro que você mostre ao diretor que o programa de fato funcionou. E mude as bases: só recebe quem não erra. Para que o programa ganhe ainda mais adesão, proponha um prêmio adicional para quem completar um trimestre sem nenhum erro.

E finalmente, em minha opinião, qualquer programa que parte do princípio que seres humanos não vão errar já estará morto antes de nascer.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin