2011-10-13

As pinturas da adolescência perdida e encontrada de Andrew Gareth Young

Andrew Gareth Young é um artista que trabalha com pintura a óleo e colagens. O tema de seus trabalhos é a adolescência. Ou melhor, o lado mais primitivo, mais genuíno de cada um de nós. Se ao longo da vida somos instruídos e recebemos valores que não são nossos (mas sim de nossos pais, professores, instituições, etc), a adolescência é a época em que, questionadores, conseguimos descobrir mais sobre nós mesmos, abaixo de todas essas camadas aprendidas. Infelizmente essa revolta questionadora geralmente se perde conforme vamos ficando mais velhos, mas trabalhos como o de Andrew são um lembrete de que aquele fogo juvenil pode ser perdido, mas também encontrado.

Usando traços espontâneos em algumas partes, enquanto outras são cuidadosamente planejadas, o pintor combina imagens realistas com uns toques abstratos. Esse resultado é também uma metáfora para a adolescência perdida, que mantém uma certa "ordem" na vida adulta, mas que deixa transparecer a juventude re-encontrada em pequenos gestos, bobos, autênticos e frequentemente malucos.

Vejam:

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Caída de porre.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Sentada no banheiro com o ursinho de pelúcia.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Duas mulheres.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Casal aos amassos do lado - Visitas que ficam por muito tempo.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Clientes.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Colagem - Isabelle.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Lápis no nariz.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Colagem - Shea.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Mulheres, armas e gatinhos.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

A Proposta.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Perdida.

andrew young pinturas oleo adolescencia perdida encontrada

Jantando flores.

Imagens via site de Andrew Gareth Young. Dica via Empty Kingdom.

3 comments:

Cintia Yamane said...

orra, o cara é bom hein.. eu gostei das colagens

K. said...

num passado muito, muito remoto me aventurei com pintura a óleo. Mas, minha professora me chamou de "caótica" e - como era muita nova e muita besta - fiquei tão triste que parei de ter aulas. Mas, se tivesse seguido seria exatamente esse o tipo de pintura que me atrairia. Acho.

Minhas preferidas: a dos amassos e visitas indesejadas... e a jantando flores.. :)

beijo, beijo

Sentimental ♥ said...

muito bom, a primeira é tão boa q deu agonia.

Blog Widget by LinkWithin