2014-02-06

As belas e tocantes fotografias em preto e branco de animais idosos de Isa Leshko

Pode-se dizer que a vida da americana Isa Leshko é bem variada. Formada em Psicologia Experimental em 93, ela trabalhou por 10 anos para empresas ponto-com como gerente de projeto e engenheira de software, tendo neste período realizado uma pós-graduação em Ciências da Computação. Em 2003, entretanto, ela encontrou a sua verdadeira e derradeira paixão: a fotografia. Desde então, ela já fez várias exposições e seu trabalho foi destaque em vários impressos.

Em sua série "Elderly Animals" (ou "Animais Idosos"), Isa Leshko viaja a vários santuários por todos os Estados Unidos, procurando por animais idosos ou em seus últimos estágios de vida. O resultado são imagens tocantes, de animais quase sempre com o olhar cansado, com um clima melancólico. Sobre o processo, a artista diz:

"Para alcançar um senso de intimidade nesses retratos, eu passei várias horas com os animais que eu fotografei e eu tento visitá-los várias vezes. Dependendo do animal, eu posso passar uma hora ou mais apenas sentada no chão ao lado da criatura antes de tirar uma simples imagem. Essa abordagem ajuda o animal a se acostumar com a minha presença e a me permitir observá-lo sem ficar focada apenas no clique da foto."

A série, com imagens tocantes e que também nos fazem pensar sobre a nossa própria velhice, começou depois da artista passar um ano ajudando a irmã a cuidar da mãe, que tem Alzheimer. Esta experiência teve um profundo impacto e forçou a artista a confrontar a sua própria mortalidade:

"Eu estou criando estas fotografias para conseguir formar uma visão sem medo do processo de envelhecimento e mortalidade. Minha avó materna teve demência durantes seus últimos anos, e agora a minha mãe tem isso. Eu estou com medo de desenvolver a doença de Alzheimer e fico nervosa sempre que perco minhas chaves ou esqueço o nome de alguém. Fotografar animais geriátricos permite que eu faça uma imersão em meu medo de envelhecer. Eu tenho concluído que essas imagens são autorretratos. Ou, ao menos, são manifestações dos meus medos e esperanças acerca de como eu serei quando eu for mais velha."

Vejam as belas e tocantes fotografias em preto e branco de animais idosos de Isa Leshko:


Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Handsome One", cavalo puro-sangue inglês, 33 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

Ovelha, 12 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Blue", cachorro kelpie australiano, 19 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

Galo, idade desconhecida

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Pumpkin", cavalo, 28 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

Ovelhas, ambas com 12 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Ash", peru branco domesticado, 8 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Abe", cabra alpina, 21 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Teresa", leitoa, 13 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Kelly", cadela wolfhound (lébrel) irlandês, 11 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Phyllis", ovelha, 13 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Sierra", peru branco, 3 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Red", cachorro, + de 14 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Violet", porca doméstica, 12 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

Ganso doméstico, 28 anos

Isa Leshko fotografia preto e branco animais velhos idosos

"Kiri", lobo-das-grandes-planícies, 17 anos

Imagens via site de Isa Leshko. Dica via Beautiful/Decay - Heartbreaking, Beautiful Images Of Elderly Animals.


1 comment:

CintiaYamane said...

aqui perto sempre vejo uma senhora passeando com um cachorrinho da mesma raça que a pipoca, mas beeeem idoso, tem 15 anos, ele anda que nem velhinho reumático, de passinho em passinho... é engraçado...

Blog Widget by LinkWithin