2014-02-27

'Entrevistadora não fez perguntas sobre o que eu espero do futuro' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 27/02/2014, sobre como entrevistas de emprego sem perguntas sobre o que o candidato espera do futuro e sem perguntas sobre o que o candidato sabe sobre a empresa, sinalizam que a empresa não é um bom lugar para se trabalhar.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Entrevistadora não fez perguntas sobre o que eu espero do futuro'

ambiente de trabalho ruim

Uma ouvinte escreve: "Participei de um processo de seleção e a entrevistadora não me fez nenhuma pergunta sobre o que eu espero do futuro e também não explorou o conhecimento que eu tinha sobre a empresa. Fiquei frustrada, porque como você mesmo recomendou, eu havia feito uma pesquisa na internet para poder mostrar que estava interessada em trabalhar naquela empresa."

Bem, nesse caso, eu espero que você não tenha sido contratada. Quando um candidato a emprego não sabe responder o que espera do futuro e não demonstra um mínimo de conhecimento sobre a empresa que o está entrevistando, isso quer dizer que para ele qualquer emprego serve e que ele não pretende passar muito tempo por ali.

Mas o contrário também é verdadeiro. Uma empresa que ignora o plano ou o sonho de carreira de um candidato e não se preocupa em saber se ele pelo menos já ouviu falar daquela empresa, está igualmente contratando qualquer um que apareça. Ou, como me disse, em tom jocoso, um supervisor de uma empresa cuja rotatividade anual supera o 100%, "se o candidato estiver respirando, está contratado".

Empresas assim não oferecem bons salários ou benefícios, não investem no desenvolvimento do funcionário e não são exigentes em termos de pré-requisitos acadêmicos. Em resumo, para ser contratado, basta querer ser.

Entretanto, essa não é uma opção inteiramente descartável do ponto de vista de aprendizado. Porque quem passa alguns meses em uma empresa assim, irá apreciar muito mais o emprego seguinte.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin