2015-05-20

Perdi tarefas importantes após voltar da licença-maternidade - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 19/05/2015, com um ouvinte que voltou da licença-maternidade e não executa mais as tarefas que executava antes.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Perdi tarefas importantes após voltar da licença-maternidade

mãe no trabalho

Uma ouvinte escreve: "Saí em licença-maternidade e quando voltei ao trabalho, descobri que tudo havia mudado. Minhas tarefas anteriores já haviam sido assumidas por outra pessoa, que as manteve quando voltei, por decisão da chefia. As novas tarefas que me foram dadas são menos importantes e bem menos desafiadoras do que aquelas que eu tinha antes. Sinto-me feliz como mãe, mas com a insatisfação de ver que a minha carreira regrediu, pelo menos, cinco anos. Neste momento, o que eu ganho é demais para o que eu faço. E meus pedidos para assumir novos desafios foram ignorados pela chefia. Em vista dessa situação, o que eu posso esperar?"

Em curto prazo, nada de assustador, porque a lei trabalhista lhe garante uma estabilidade de cinco meses após o parto. O que a empresa fez foi apenas garantir a continuidade do trabalho interno durante a sua ausência. E você não deve ver isso como uma espécie de vingança por você ter decidido engravidar.

Se não existe em sua empresa, nenhum caso de mãe que foi dispensada após o período de estabilidade, isso também não acontecerá com você. O que está ocorrendo é apenas um momento de ajuste de funções, que se resolverá em breve tempo.

Portanto, a minha sugestão é que você se dedique o seu bebê e, no serviço, faça o melhor que você puder as novas tarefas que lhe foram confiadas, para mostrar que você continua sendo a mesma funcionária eficiente de antes. Isso será mais determinante para o seu futuro imediato do que qualquer pedido ou queixa que você faça.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin