2011-11-23

Entrevistador que pergunta sobre rede social não quer bisbilhotar o candidato - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 23/11/2011, sobre o que dizer em entrevistas de emprego sobre redes sociais.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Entrevistador que pergunta sobre rede social não quer bisbilhotar o candidato

jovens viciados internet redes sociais

Uma ouvinte escreve: "Em uma entrevista de emprego me foi perguntado se eu fazia parte de alguma rede social. Essa não é uma pergunta que diz respeito à minha vida pessoal e portanto não é da conta da empresa?"

Opa! Vamos lá. Se o entrevistador tivesse lhe perguntado se você tem algum hobby, você também poderia deduzir que ele estava bisbilhotando a sua vida pessoal. Mas várias perguntas que são feitas em entrevistas têm por objetivo avaliar a personalidade e a conduta do candidato, para ver se ele se encaixa na cultura da empresa. Desde que não sejam perguntas que possam provocar algum tipo de constrangimento, elas são aceitáveis.

No caso das redes sociais, a pergunta nem precisaria ter sido feita, porque a própria empresa poderia descobrir a resposta facilmente. E não apenas a resposta, como também o conteúdo das mensagens que você posta.

Por que, então, a pergunta foi feita? Porque com a liberação do acesso a internet pelas empresas, surgiu o problema que alguns funcionários gastam parte do tempo enviando e recebendo mensagens que nada têm a ver com o trabalho em si. Isso inclui as redes sociais. Preocupadas com o desperdício de tempo, algumas empresas passaram a monitorar os sites que seus funcionários acessam durante o expediente, uma medida que tem amparo legal, mas que desperta muito mais antipatia do que compreensão.

A pergunta do entrevistador não foi uma tentativa de intromissão em sua vida pessoal, e sim uma maneira de avaliar o seu comportamento profissional. E a resposta, clara e direta, seria: "Sim, faço parte de duas redes sociais, mas nunca durante o expediente porque não misturo trabalho e assuntos pessoais".

Max Gehringer, para CBN.

2 comments:

3 x Trinta - Solteira, Casada, Divorciada said...

Muito bom! Como sempre, vc lê meus pensamentos e posta as coisas do Max que têm TUDO a ver comigo.

Não tenho perfil próprio nas redes sociais, só Twitter e FB do blog mesmo. E ando me questionando sobre isso, com medo de parecer jurássica numa entrevista de emprego, por exemplo. Vontade de criar essas contas só para mim eu não tenho, uso pelo blog e está ótimo, mas, sei lá, fico pensando se não devo me render, sabe?

Meu Dilema, hahaha!!! Acho que vou postar lá na outra quinta.

Beijos, beijos,

Bela - A Casada

Andarilho said...

Agradeça ao Max pelo timing, hehehe.

Blog Widget by LinkWithin