2011-11-24

Quando a calmaria se transforma em estagnação - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 24/11/2011, sobre a estagnação na carreira profissional.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Quando a calmaria se transforma em estagnação

calmaria

"Não sei se a minha carreira está estagnada", escreve um ouvinte, "ou se ela está apenas passando por uma fase de calmaria".

Bom, primeiro eu sugiro que você entre no site da CBN, vá ao dia 03 de agosto desse ano e ouça novamente o comentário que fiz sobre os sete sinais de que uma carreira está estagnada.

Um pequeno parênteses: estagnação é uma palavra do latim que em sua origem descrevia um pequeno lago, plácido e sereno, sem qualquer movimento perceptível. Uma imagem muito poética para quem está de férias, e muito perigosa para quem sabe que uma carreira precisa de agitação contínua.

Mas, a dúvida do nosso ouvinte é quando a calmaria se transforma em estagnação? Isso ocorre quando o comportamento pessoal começa a mudar. O nível de concentração diminui e a vontade de conversar é substituída pelo desejo de que ninguém venha incomodar. A fase seguinte é uma espécie de cansaço continuado e um desejo de que o dia termine logo.

Essa é a hora de partir para ação, e o mais difícil nesse momento é aceitar o fato de que a estagnação nunca ocorre por omissão da empresa, e sim, porque o próprio funcionário permitiu que chegasse a esse ponto, por acomodação ou desinteresse.

Sair desse estado de letargia irá requerer uma mudança de atitude, e a medida extrema seria trocar de emprego. Mas há muita coisa que pode e deve ser tentada antes disso. O primeiro passo é conversar com o superior imediato e pedir uma oportunidade para fazer algo diferente, ou solicitar uma transferência para outra área. Começar um curso também ajuda, porque irá gerar contatos.

Mas o essencial é ter em mente que estagnação não é um mal passageiro, como resfriado, que se cura sozinho com o tempo. Pelo contrário, deixar passar o tempo só vai piorar os sintomas.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin