2012-04-27

'Sou pressionado a conseguir os mesmos resultados de colegas com mais tempos de casa' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 27/04/2012, sobre para que serve o período de experiência.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Sou pressionado a conseguir os mesmos resultados de colegas com mais tempos de casa'

desmotivação pressão no trabalho

Um ouvinte relata que conseguiu emprego na área de vendas de uma empresa e iniciou o período de experiência. Mas ele não está muito satisfeito com a maneira como está sendo tratado.

"Estou sendo pressionado", ele escreve, "para atingir os mesmos resultados de colegas com muitos anos de casa. É claro que não dá. Porque são colegas que já têm experiência, conhecem os macetes e aprenderam a evitar a maioria dos erros que novatos como eu cometem na fase de aprendizado. Por isso, eu pergunto: para que serve o período de experiência?"

Bom, ele serve para dois propósitos. Começando pela empresa, serve para ela descobrir se você aguentará o rojão após ser efetivado. Eu acredito que, apesar da pressão, você não esteja conseguindo resultados semelhantes aos dos colegas mais antigos. E certamente seu chefe não espera que você consiga. Os eventuais erros que você mencionou estão sendo relevados, exatamente devido à sua falta de conhecimento específico sobre o produto ou serviço que você vende. Por outro lado, a empresa não pretende correr o risco de lhe dar um tratamento mais tranquilo nos primeiros noventa dias, para só depois descobrir que você espana quando é muito pressionado.

Agora, o segundo propósito. O período de experiência serve para você decidir se quer mesmo ficar em uma empresa que fica lhe pressionando dessa maneira. Olhando a situação pelo lado positivo, você não está sendo iludido. Já sabe, desde os primeiros dias, que a rotina será de muita cobrança. Provavelmente, você teve que esticar o expediente um par de vezes, porque não conseguiu terminar o seu trabalho em tempo. Possivelmente, escutou críticas que considerou injustas. Você se adaptaria a esse ritmo após ser efetivado? É o que a empresa está lhe dando a oportunidade de decidir durante o período de experiência.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin