2012-04-09

Um caso em que dizer a verdade faz todo o sentido - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 09/04/2012, sobre o que falar numa entrevista de emprego quando você foi despedido do último emprego por ter participado de um processo seletivo em outra empresa.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Um caso em que dizer a verdade faz todo o sentido

processo seletivo

"Fiz uma coisa que você já recomendou que não se deve fazer", confessa um ouvinte que explica: "Comecei a participar de um processo de seleção em outra empresa e revelei isso confidencialmente a um colega de trabalho. Não sei bem por qual caminho, a informação acabou chegando aos ouvidos do meu gerente. E ele me chamou para conversar sobre os motivos que estariam me levando a querer deixar a empresa.

Apanhado de supresa, respondi que não tinha a intenção de sair, o que só piorou a situação. É claro que se eu estava participando de um processo, eu sairia se a proposta fosse interessante. No fim da conversa, eu disse a meu gerente que iria desistir do processo, mas ele me incentivou a continuar. E aí aconteceu o pior: não fui selecionado no processo e acabei sendo dispensado de meu emprego.

Sei que você vai me dizer que eu deveria ter ficado de boca fechada, mas isso eu já sei. O que eu não sei é como devo abordar esse triste episódio em futuras entrevistas de emprego, quando me for perguntado o motivo da minha demissão."


Bom, esse é um caso em que dizer a verdade faz todo o sentido. Você não foi demitido porque era um mau subordinado, nem porque seus resultados não eram bons. Você foi demitido para servir de exemplo a outros colegas, que a partir de sua demissão, iriam ficar bem mais receosos de arriscar o emprego.

Diga a um futuro entrevistador que você só se arrepende de ter confiado em quem não deveria ter confiado.

E para nossos ouvintes que possam a se ver em situação semelhante algum dia, uma dica: quando o chefe incentiva um subordinado a continuar num processo de seleção em outra empresa, ele na verdade está querendo dizer: desista enquanto é tempo.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin