2013-01-11

'Marcaram uma entrevista comigo em inglês, mas não sou fluente no idioma' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 11/01/2013, com dicas para quem vai fazer uma entrevista de emprego em inglês, mas não tem fluência no idioma.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Marcaram uma entrevista comigo em inglês, mas não sou fluente no idioma'

falando inglês

"Preciso de uma ajuda urgente", uma ouvinte escreve. "Uma empresa agendou comigo uma entrevista em inglês, para uma vaga interessante. Mas o meu inglês não é suficiente para conversação. A entrevista será daqui a dez dias. Como não vou conseguir fluência em tão pouco tempo, existe algo que eu possa fazer?"

Sim. Em uma semana, você poderá decorar uma série de frases em inglês e usá-las durante a entrevista. E a primeira delas deve ser "O meu inglês ainda não é bom para conversação, mas já me matriculei em um curso intensivo."

Além disso, faça uma lista com as palavras mais usadas em entrevistas, para que você as reconheça quando a pergunta surgir, mesmo que você não entenda tudo o que o entrevistador está dizendo. Por exemplo: salário, pontos fortes, expectativas, graduação. Procure as traduções em um bom dicionário, porque cada uma dessas palavras pode ter dois ou mais termos correspondentes em inglês. Com uma lista de 50 palavras, que você não terá dificuldades para memorizar em dez dias, você estará pronta para entender o significado das perguntas.

E quanto às respostas, seja breve. Por exemplo, se lhe for perguntado quanto você ganha, dê o número anual. Não será necessário você construir uma frase inteira, porque você já começou explicando que não tem nível para tanto.

Finalmente, permita-me diminuir um pouco a sua preocupação. A maioria dos candidatos que você irá enfrentar também não tem inglês fluente. Quem me disse isso foi um headhunter. Segundo ele, inglês em nível avançado já se tornou uma frase comum em currículos, embora, na maioria dos casos, ela represente muito mais uma esperança do que uma realidade.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin