2013-01-15

'Após 15 dias de férias, conclui que não quero ficar na empresa' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 15/01/2013, com uma ouvinte que está infeliz no seu emprego e quer saber o que considerar na busca por um novo trabalho.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Após 15 dias de férias, conclui que não quero ficar na empresa'

emprego

Uma ouvinte escreve: "Voltei ao trabalho após 15 dias de férias e esse tempo que tive para pensar me fez concluir que não quero continuar neste emprego. Não sou feliz aqui e não ganho o que acredito que mereço. O que devo considerar na busca por um novo emprego?"

Bom, começando pela parte boa, empresas contratam mais no primeiro semestre do que no segundo. Isso acontece porque, na medida em que o ano avança, a pressão por resultados faz com que o orçamento seja expremido. Quando um ano novo começa, o orçamento está, digamos, mais amigável para contratações.

O que eu posso lhe sugerir é não pedir demissão já, por mais que você se sinta infeliz. Procurar um novo emprego estando desempregada irá lhe deixar muito mais infeliz.

Você pode começar a sua procura pela opção que produz os melhores resultados: as indicações de amigos ou parentes bem empregados. Muita gente detesta pedir favores, mas isso é mais do que um favor. É uma troca. Quem ajudá-la hoje pode precisar de sua ajuda amanhã. Portanto, não se acanhe.

As opções mais usuais, que são o envio de currículos ou o cadastramento em sites de emprego, funcionam bem em duas circunstâncias. Ou você é uma especialista em alguma área e pouca gente faz o que você faz, ou você não tem algo que a diferencie e, portanto, está disposta a aceitar um salário baixo pare recomeçar.

A dificuldade aumenta quando você está naquela faixa em que o seu salário é razoável, mas uma infinidade de outros candidatos pode oferecer o mesmo que você oferece. Se esse for o seu caso, reate todos os contatos que você conseguir, desde os tempos do ensino fundamental. Dá mais trabalho, mas o retorno é mais garantido.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin