2013-12-17

'Trabalho ao lado de uma colega que fala demais' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 17/12/2013, com uma ouvinte que não aguenta mais uma colega que fala demais.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Trabalho ao lado de uma colega que fala demais'

mulher falando demais

Uma ouvinte escreve: "Trabalho ao lado de uma colega que fala demais. Ela não para um minuto sequer. Além de me desconcentrar, isso me irrita. Já reclamei com meu chefe e ele me disse para ter paciência. Eu até tenho, mas você concorda que tudo tem limite?"

Sim, concordo. Tudo depende de onde colocamos esses limites. Há muito tempo, mais exatamente em 1955, uma data que hoje parece pré-histórica, a UNESCO instituiu um dia internacional para a tolerância, que é celebrado em 16 de novembro. Isso porque já fazia dez mil anos que a humanidade não estava tirando nota boa no quesito de viver em harmonia com o próximo.

Segundo a definição da UNESCO, tolerância significa entender e aceitar que os seres humanos são mesmo muito diferentes uns dos outros, em todos os sentidos. Mas isso não tira de ninguém o direito de ser como é. E nem dá a ninguém o direito de se sentir superior a alguém.

Tolerar é saber viver em harmonia apesar das diferenças. Isso engloba desde perseguições raciais, sexuais, sociais ou geográficas, até o cheiro do perfume de uma colega de trabalho.

A palavra tolerar vem lá dos tempos do império romano e inicialmente era uma medida de resistência física. Mais exatamente, a capacidade de suportar um esforço que parecia acima das próprias forças. Como por exemplo, um soldado marchar 800 Km para chegar ao campo de batalha. E lá chegando, passar três dias combatendo um inimigo feroz. Comparado a isso, uma inofensiva colega que fala o tempo todo já não parece assim tão intolerável.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin