2013-12-30

'Poderia me indicar para um bom emprego?' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 30/12/2013, com as duas primeiras regras do networking.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Poderia me indicar para um bom emprego?'

networking

Um ouvinte escreve: "Você já disse muitas vezes que bons empregos são obtidos através de indicações. Pergunto se você poderia me indicar para um?"

Bom, talvez, eventualmente, algum dia, mas não imediatamente. Isso porque você atropelou a regra número dois do chamado networking, o círculo profissional de relacionamentos. A regra número um é semear e cultivar esse círculo. A regra número dois é não chegar já pedindo alguma coisa a alguém que você acaba de conhecer.

Muita gente faz isso quando participa de eventos abertos, aos quais comparecem profissionais que ocupam bons cargos em grandes empresas. Abordar uma dessas pessoas e entregar um currículo na mão dela não funciona, por mais simpático que o profissional abordado possa ter sido e por mais receptivo que ele possa ter parecido.

Perdoe a minha insistência nesse ponto, mas um círculo de relacionamentos pode demorar anos até dar bons frutos. Ele começa com o contato frequente, hoje facilitado pelo correio eletrônico, com ex-colegas de escola e ex-professores.

Mandar a cada uma dessas pessoas um e-mail por mês irá manter o seu nome vivo na lembrança delas. Esse e-mail, porém, não pode ser aquele famoso repasse de piadas, que é enviado a uma longa lista de contatos. São mensagens pessoais, ou cumprimentando pelo aniversário, ou lembrando fatos que vocês viveram juntos. Um dia, quando essa relação estiver bem sedimentada, uma solicitação de ajuda para conseguir um emprego será recebida com simpatia.

E, voltando à regra número dois, você não pode pretender colher os frutos sem ter plantado a árvore.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin