2013-12-05

A beleza da modelo alternativa e pin-up Miss Mosh

Mosh, ou como é mais conhecida, Miss Mosh, é uma modelo especializada em posar para fotos envolvendo glamour, visuais alternativos, pin-ups e fetiches. Nascida na Rússia, ela migrou aos três anos para os Estados Unidos, onde atualmente vive.

Neste post, separei algumas de suas sensuais e belas fotos, onde ela aparece em diferentes roupas e trajes, desde modelos em látex até os clássicos vestidos vintage de pin-ups. E depois das fotos, deixo a tradução livre de uma parte de uma entrevista que Mosh deu para a Pin Curl Magazine, onde você poderá saber mais sobre a modelo.

Vejam a beleza da modelo alternativa e pin-up Miss Mosh:

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Miss Mosh deviantart mulher beleza modelo alternativa pin-up fetiche látex loira

Entrevista:

Você nasceu na Rússia (União Soviética então). Sua biografia diz que você se mudou para os Estados Unidos "bem jovem". Quantos anos você tinha exatamente? Ao mesmo tempo seus pais começaram um extenso treinamento em ginástica artística, que você fez por mais de 10 anos. Uma lesão devastadora acabou com suas aspirações em conseguir uma bolsa de estudos pela ginástica. Você pode por favor descrever para nossos leitores como a lesão ocorreu e como você lidou com as mudanças de vida dramáticas que ocorreram como resultado?

Eu acredito que tinha por volta de três anos quando nos mudamos para os Estados Unidos. Logo após eu comecei meu treino em ginástica artística, com meus pais como técnicos. A bolsa de estudos era na verdade o plano da minha mãe para eu entrar na faculdade sem o stress financeiro, mas não era exatamente uma aspiração minha. Na high school (NT: nosso ensino médio) eu decidi que se eu iria para a faculdade, eu queria ir para a faculdade de arte, onde a bolsa de ginástica artística não teria me ajudado de qualquer maneira. A lesão aconteceu durante meu primeiro ano como acrobata, quando eu cai de uma pirueta e machuquei meu cotovelo. Depois da reabilitação e algum tempo, eu não conseguiria voltar de maneira integral para a ginástica artística e mudei então para a ginástica rítmica. Eu acho que a lesão poderia ser considerada uma mudança drástica de vida. De fato, se não fosse por ela, eu não teria tido a oportunidade de fazer o que faço hoje. A vida caminha de maneiras interessantes.

Além de ser modelo, você é conhecida pelo visual particular, desenvolvendo seu próprio visual (styling) e fazendo sua própria maquiagem. Você é autodidata? Você sempre fez seu próprio styling ou algo aconteceu que a levou a essa decisão?

Sim, eu sou totalmente autodidata. Quando eu comecei a modelar e organizar meus ensaios, maquiadores realmente não estavam disponíveis para uma modelo nova, ou requeriam pagamento, coisa que minhas finanças não permitiam. Eu sempre tive um interesse em cosmética também, tendo por anos aplicado maquiagem em mim antes de aparecer nas competições esportivas em que participava. Então eu comecei a me maquiar mais por interesse e parcialmente por necessidade. Mais tarde eu aprendi que tem certas coisas que gosto e que não gosto quanto a maquiagem. Há certos visuais que acho que são melhores em mim, enquanto um maquiador pode ter outras ideias. Então se tornou uma batalha por controle criativo. Eu decidi que queria ter controle total sobre o visual que eu criaria para mim mesma e faria todo o meu styling e maquiagem sozinha.

A não ser que eu esteja errado, eu você começou sua carreira de modelo simplesmente usando o Model Mayhem (NT: site mais profissional do que social, focado em portfólios de modelos e fotógrafos), enquanto ainda estudava no ensino médio, mantinha um emprego, um estágio e outras atividades extracurriculares. Você tem alguma sugestão para outras modelos aspirantes que estão tentando lançar suas carreiras?

Sim, isso está correto. Agora, quando eu penso naqueles anos de início de modelo, isso faz minha cabeça girar! Eu realmente não tenho ideia de como consegui organizar minha agenda, mas funcionou. Se você quer muito alguma coisa, você fará quase tudo para conseguir. Minha única sugestão geral é que você mantenha a mente focada em seu trabalho e se prenda a ele. Muitas coisas na vida podem te distrair, te levar para longe dos seus objetivos. Foque nos seus objetivos, concentre-se em fazer as melhores fotos que puder e trabalhe duro. Modelmayhem.com é um ótimo lugar para fazer contatos. Gaste seu tempo se conectando com fotógrafos que te inspirem. Sempre se lembre de se divertir. Quando você gosta do que está fazendo, as imagens mostram isso. Um forte portfólio atrai muitas oportunidades, então use todas as ferramentas que puder para construí-lo.

Além de seus extensos créditos como modelo, você também é uma performer fetichista e você faz burlesco também, certo? Há quanto tempo você faz essas performances e quais são suas aspirações como uma performer?

Eu acho que você poderia me chamar de performer de fetiche. Eu tenho feito shows onde eu estou revestida em látex, ou a ideia do show tem vários elementos fetichistas como parte dele. De fato, eu acredito que todos meu shows tenham isso! Espartilhos, lingeries e meias-calças podem ser todos considerados como parte em um fetiche. Apesar de eu dizer que sou primeiro uma perfomer burlesca quando perguntada o que eu faço em meus shows. Eu tenho sido uma performer por mais tempo do que a minha carreira de modelo e especificamente uma performer burlesca por mais ou menos quatro anos. Minhas primeiras performances eram feitas em intervalos de shows e eventos corporativos como uma acrobata, dançarina e performer de fogo. Meus shows burlescos vieram depois de um ano de modelo. Eu combinei elementos de fetiche do meu trabalho com as performances anteriores que eu conhecia. Minhas fotos contém a mesma provocação que o burlesco tem, por isso me pareceu natural desenvolver meus próprios shows estilizados, trazendo minhas criações para a vida como eu o faria em uma fotografia. Minhas aspirações como uma performer são simplesmente trazer minhas ideias ao palco, esperando que talvez meu simples striptease e os cenários e trajes complexos e glamurosos provoquem a imaginação e as emoções do espectador.

Além de sua história como ginasta, alguns podem se surpreender que você foi uma cheerleader (líder de torcida) por um longo tempo. Você pode compartilhar um pouco mais sobre isso?

Eu amava competir como cheerleader. Se eu pudesse fazer tudo de novo, eu ainda faria parte de um time. O esporte é emocionante e requer muita perseverança, precisão e confiança. Eu sempre fui uma voadora, o que quer dizer que eu era uma daquelas jogadas para cima. Você está lá em cima, a vários metros do chão, balançando sobre uma ou duas pessoas embaixo de você. É um bocado perigoso e muito excitante! Quando você vê a coordenação e o trabalho de equipe que vêm juntos quando uma rotina é completada, é um grande sentimento de realização. Três garotas levantando uma quarta acima de suas cabeças, enquanto a garota de cima balança em uma perna e puxa a outra acima de sua cabeça. Então você desmantela a formação acrobática e corre para a posição de sequência de dança rápida em uma formação estruturada. Então você faz alguns arremessos, então faz mais algumas acrobacias, tudo enquanto tenta acompanhar o ritmo da música. Você deve correr uma milha durante uma rotina com todo o ziguezague que faz para suas posições. Esse esporte é incrível, eu não acho que ele receba o crédito que merece.

Imagens via perfil de Miss Mosh no DeviantArt e site oficial de Mosh. Entrevista retirada da Pin Curl Magazine.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin