2015-08-21

Não minta no currículo - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 21/08/2015, com uma ouvinte que se forma este ano e está em dúvida se mente no currículo dizendo que já se formou.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Não minta no currículo

currículo

Uma ouvinte escreve: "Tenho 23 anos e estou no último ano da faculdade, mas já possuo uma considerável prática, porque comecei trabalhar aos 17 anos. Quando encaminho o meu currículo para empresas maiores do que esta em que estou atualmente, não obtenho resposta. E desconfio que seja porque a maioria das vagas pede formação superior e eu ainda não sou formada. Seria temerário eu colocar no currículo que já me formei?"

Sim, seria. Você estaria faltando com a verdade e essa não é a melhor maneira de iniciar um contato profissional. Mas você pode colocar em seu currículo o nome do curso e os anos de início e de término dele, sendo que este último seria este ano. Assim, você não estaria nem afirmando que se formou, nem que está em vias de se formar.

Digo-lhe isso mais em função da sua experiência prática, porque os meses que faltam para a sua graduação não irão adicionar tanta coisa assim a seus conhecimentos teóricos. Um entrevistador saberá reconhecer isso em um eventual processo seletivo, mas ele não lhe perdoaria se você mentisse no currículo.

Agora, se mesmo assim você não for chamada para entrevistas, você descobrirá que a razão para não receber respostas é outra, falta de um idioma, talvez.

E lembre-se também que uma indicação direta funciona bem melhor do que o envio de currículos, ainda mais em tempos como o atual, de escassez de empregos. Portanto, acerte o seu currículo, mas não deixe de solicitar ajuda a amigos, colegas, parentes, vizinhos e professores, estes principalmente, já que você está em contato diário com eles.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin