2017-05-09

Temos que aceitar a falta de respeito dos novos colegas? - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 09/05/2017, com uma ouvinte que se sente desrespeitada pelos colegas mais novos.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

Temos que aceitar a falta de respeito dos novos colegas?

choque de gerações no trabalho

Uma ouvinte escreve: "Tenho 50 anos e trabalho numa ótima empresa, já faz 20 e tantos anos. Sempre fui feliz aqui e continuo sendo, mas o tempo passa e as administrações mudam. Hoje, eu e alguns colegas da minha faixa etária, temos que conviver com pessoas bem mais jovens do que nós e que não demonstram respeito por tudo o que nós fizemos pela empresa e como colaboramos para que ela se tornasse o que é hoje.

É como se eles nem se incomodassem com isso. Os diretores também são jovens, o que somente acentua essa espécie de discriminação velada que sofremos, por termos feito mais aniversários na vida. Pergunto se temos mesmo que aprender a aceitar esse comportamento nessa fase da vida?"


Bom, a única coisa que você precisa aceitar nessa fase da vida é que o Ki-Suco saiu de linha e não vai voltar.

A melhor maneira de você e seus colegas penta-decenais conviverem no trabalho com esse intervalo de gerações, que nem é coisa atual porque sempre existiu, é mostrando o que vocês ainda podem fazer, e não o que já fizeram.

Se existe desinteresse quanto às realizações passadas, os feitos presentes não podem ser ignorados. Vocês têm experiência, maturidade e equilíbrio, e já não estão mais ansiosos por promoções imediatas. Então, partam para o bom exemplo. Mostrem todos os dias a razão de vocês estarem tendo uma carreira profissional longa e bem sucedida.

Esse é o maior ensinamento que a nova geração irá necessitar daqui a vinte ou trinta anos, porque os jovens de hoje serão vocês amanhã.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin