2012-06-28

'Meu chefe costuma fazer comentários além da relação profissional' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 28/06/2012, com uma ouvinte cujo chefe faz elogios pessoais a ela, mas ela não se sente bem com isso.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Meu chefe costuma fazer comentários além da relação profissional'

assédio sexual

"Estou nesta empresa faz um mês", escreve uma ouvinte, "e tenho um chefe que faz comentários que vão além da relação entre chefe e subordinado. Ele é, por assim dizer, bastante atencioso. Não só comigo, mas com todas as funcionárias mulheres. No meu caso, ele já comentou sobre as roupas que uso para vir trabalhar, sobre a minha maquiagem, sobre o meu jeito de sorrir e coisas assim. Embora nenhum desses comentários tenha, até agora, ultrapassado o limite do respeito, estou preocupada porque nunca tive um chefe assim. A maioria de meus colegas leva a situação na esportiva ou na brincadeira, mas eu não acho que esse tipo de atitude seja correto. O que você me diz?"

Eu lhe digo que seu chefe está correndo um risco. Pode ser que o objetivo dele seja apenas o de criar um ambiente harmonioso. Porém, esse tipo de atitude já não está mais na cartilha das empresas sérias, que não aceitam, de parte das chefias, comportamentos que possam ter dupla interpretação, principalmente no campo altamente sensível do assédio sexual.

O que posso lhe sugerir é não encorajar o seu chefe, porque o que leva a uma situação a ultrapassar o limite do respeito é o incentivo à sua continuidade. Ao ouvir um elogio, olhe seriamente para o chefe e em seguida volte a se dedicar ao seu trabalho. Ele entenderá o recado.

Por outro lado, como parece ser o caso em sua empresa, existem subordinados que consideram esse tipo de chefe, o melhor que pode existir. Porque ele agrega uma dimensão humana ao relacionamento, através de elogios não ligados ao trabalho em si. Ao se colocar contra uma situação que parece não incomodar a mais ninguém, você se isolará do grupo. Avalie se isso é o que você realmente deseja. Se for, fique na sua e não se preocupe mais em pré-julgar o seu chefe e as suas colegas.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin