2012-06-21

'Não queria o cargo, mas sinto-me frustrado com a chegada de um chefe mais novo do que eu' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 21/06/2012, com um ouvinte que terá um chefe mais jovem do que ele, e com sugestões de como se relacionar com um chefe mais novo.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Não queria o cargo, mas sinto-me frustrado com a chegada de um chefe mais novo do que eu'

chefe mais jovem

"Tenho 39 anos de idade e 20 de carreira profissional", escreve um ouvinte. "Pela primeira vez vou ter um superior hierárquico que é mais jovem do que eu. Ele vem de outra empresa e tem 29 anos de idade. Não sei bem explicar porque, mas venho sentindo um certo mal estar, desde que a comunicação foi feita. Não que eu ambicionasse a vaga, nada disso. Mas mesmo assim, me sinto frustrado. Gostaria de ouvir a sua opinião sobre a minha situação."

Vamos lá. O que você está sentindo é normal. Enquanto nós temos superiores mais velhos, ficamos com uma sensação de que nossas carreiras estão caminhando no passo certo. A chegada de um chefe bem mais jovem traz a impressão oposta: a de que a nossa carreira desacelerou e nós não percebemos. Mas isso passa, não se preocupe.

Agora, o mais importante é como você irá se relacionar com o seu novo chefe. E eu gostaria de lhe oferecer um par de sugestões sobre o que não fazer.

Primeira: não confunda idade com experiência. Idade é uma medida cronológica, enquanto experiência é o aprendizado acumulado. Do ponto de vista profissional, é possível alguém com 30 anos ser mais experiente do que alguém com 40.

Segunda: não assuma que o jovem chefe irá precisar de suas ponderações. Pelo menos nos primeiros dias, procure só fazer sugestões se elas forem solicitadas.

Terceira: é provável que o ritmo do novo chefe seja mais rápido do que aquele a que você está acostumado. E que ele seja mais ligado em tecnologia do que você. Se isso for verdade, você terá que se adaptar ao ritmo dele, ao invés de esperar, ou supor, que ele se enquadre ao seu.

E finalmente, faça o mesmo que você espera que o novo chefe faça em relação a você. Não o julgue pela idade, mas pelo trabalho e pelos resultados.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin