2013-04-16

'Fico irritado com colegas que perdem horas para fazer entrevistas em outras empresas' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 16/04/2013, sobre a ética em fazer entrevistas de emprego em horário de expediente.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Fico irritado com colegas que perdem horas para fazer entrevistas em outras empresas'

ética entrevista de emprego

Um ouvinte conta: "Comecei nesta empresa quando tinha 18 anos de idade. Estou nela já faz 14 anos e não tenho intenções de sair. E por isso fico irritado quando vejo colegas meus perdendo horas de trabalho para fazer entrevistas em outras empresas. Evidentemente, esses colegas nunca dizem para os chefes que vão fazer entrevistas. Eles mentem dizendo que precisam resolver problemas pessoais. Isso não é falta de ética? Essas horas perdidas em entrevistas não estão sendo remuneradas por um empregador que, em última análise, está sendo traído pelo funcionário que deixa de produzir, para cuidar de seus interesses pessoais?"

Bom, certamente você é o tipo de funcionário fiel, que toda empresa gostaria de ter. Mas considere o seguinte: de cada dez pessoas que são contratadas por empresas, oito estão empregadas e trocam de emprego por uma proposta melhor. Portanto, as empresas que contratam novos funcionários são as mesmas que perdem seus funcionários para outras empresas.

Eu nem sei se algum dia, alguma empresa parou para pensar que marcar entrevistas durante o horário do expediente poderia ser considerado como falta de ética. Se fosse assim, nenhuma empresa do mundo seria ética, porque todas adotam o mesmo procedimento. Incluindo a sua. Você já deve ter visto muitas vezes, candidatos a emprego sendo entrevistados durante o horário de expediente.

Se a sua empresa admite que pode contratar alguém de outra empresa, sem perguntar qual foi a desculpa que o candidato deu para comparecer à entrevista, que argumentos ela teria para impedir que seus funcionários fizessem a mesma coisa?

Portanto, você está muito certo, mas isso não significa que o mundo esteja errado.

Max Gehringer, para CBN.

1 comment:

CintiaYamane said...

"Se a sua empresa admite que pode contratar alguém de outra empresa, sem perguntar qual foi a desculpa que o candidato deu para comparecer à entrevista, que argumentos ela teria para impedir que seus funcionários fizessem a mesma coisa?"

BOOA

Blog Widget by LinkWithin