2013-05-26

E-mail nunca deve ser enviado antes de ser cuidadosamente avaliado - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 10/05/2013, com o caso de um ouvinte que enviou um e-mail antes de avaliar bem a situação.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

E-mail nunca deve ser enviado antes de ser cuidadosamente avaliado

e-mail

Um preocupado ouvinte escreve e explica: "Estou nesta empresa faz quatro meses e trabalho em um setor cujo objetivo é prospectar novos clientes para a empresa. Diariamente, ao final do expediente, tenho que enviar a meu encarregado um e-mail, informando quantos contatos eu fiz no dia e quantos foram positivos. Na semana passada, por acaso, cruzei com o gerente do nosso departamento, que é o chefe direto do meu encarregado. E o gerente me perguntou como iam as coisas e me incentivou a melhorar cada vez mais os meus resultados.

No dia seguinte, ao mandar o e-mail para o meu encarregado, inclui uma cópia para o gerente, como uma forma de agradecer a atenção dele e mostrar um pouco do meu trabalho. O meu encarregado ficou possesso com a minha atitude e me acusou de estar querendo passar por cima dele e de querer aparecer para o gerente. A partir daí, o relacionamento do meu encarregado para comigo ficou gelado. Não mandei o e-mail para o gerente com segundas intenções, mas reconheço que não deveria ter mandado. O que eu faço?"


Nada.

O que você fez foi atropelar a hierarquia, algo que nenhum chefe direto aprecia. Mas continue trabalhando e obtendo bons resultados, que a situação se resolverá por si mesma.

Fica, porém, um ensinamento: o e-mail é uma ferramenta eficiente e rápida de comunicação, mas não deve ser enviado antes de ser lido novamente e cuidadosamente avaliado, porque é uma evidência concreta. A melhor maneira de evitar problemas é se colocar no lugar de quem vai receber o e-mail. Como você teria reagido se você fosse o encarregado? Apenas vinte segundos de sua atenção antes de clicar "Enviar", teriam evitado todo o dissabor pelo qual você passou e está passando.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin