2013-08-02

'Devo sugerir ser contratado como autônomo pela empresa que usa meus serviços de terceirizado?' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 02/08/2013, com um ouvinte que deseja ser contratado pela empresa em que atua como terceirizado.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Devo sugerir ser contratado como autônomo pela empresa que usa meus serviços de terceirizado?'

trabalhador

Um ouvinte escreve: "Sou contratado por uma empresa de tecnologia, mas para prestar serviço a uma outra empresa, em período integral. Como fico fisicamente alocado nesta segunda empresa e sou responsável pelo trabalho que executo, praticamente não tenho contato com ninguém da empresa que paga o meu salário. Aí, me ocorreu o seguinte. Eu sei o valor mensal do contrato e sei que o meu salário é insignificante em relação ao que minha empresa recebe. Estou pensando em sugerir que eu seja contratado diretamente, como prestador de serviço autônomo. Se fizesse isso, a empresa em que já trabalho fisicamente teria o mesmo resultado, mas pagando bem menos. Isso seria factível?"

Bom, pode ser, mas em príncípio não creio que seja. O contrato assinado entre as duas empresas certamente prevê que, caso você venha a sair, será imediatamente substituído por outro profissional com o seu conhecimento e a sua experiência. Além disso, o valor do contrato inclui outras coisas além do seu serviço. Assim, você e outros técnicos ajudam a pagar o salário do pessoal administrativo e outras despesas da empresa contratada.

De qualquer forma, você pode sondar o terreno, expondo a sua ideia a alguém que tenha poder de decisão na empresa contratante. Qual é o risco? É essa pessoa não só não aceitar, como ainda comunicar o fato à empresa que paga o seu salário. Portanto, a sua ideia depende de você abordar alguém em que você tenha total confiança. Caso contrário, minha sugestão é só arrisque se você tiver a certeza de que encontrará outro emprego caso ocorra a pior hipótese.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin