2015-07-07

'Estou pensando em aceitar um salário mais baixo para não ficar desempregada' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 07/07/2015, com uma ouvinte que está cogitando aceitar um emprego com um salário menor para não passar mais tempo desempregada.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Estou pensando em aceitar um salário mais baixo para não ficar desempregada'

mulher desempregada

Uma ouvinte escreve: "Estou desempregada faz quatro meses e penso em aceitar uma remuneração mais baixa para não continuar parada. Se eu fizer isso, vou conseguir depois voltar a ter um salário mais alto, como tinha em meu último emprego?"

Bom, primeiro, eu concordo que ficar sem emprego por um longo tempo, digamos seis meses ou mais, será mais danoso para a carreira do que aceitar um salário mais baixo agora.

Segundo, e respondendo a sua pergunta, depende de quanto tempo você irá permanecer no emprego que conseguir. Se você ficar nele um ano, o seu salário de mercado passará a ser, na visão das empresas, aquilo que você estará ganhando, e não aquilo que ganhava um ou dois anos antes.

Por isso, e acredito que seja exatamente o que você tem intenção de fazer, assim que se empregar não deixe de procurar um emprego compatível com o que você acredita que vale.

Outro ponto importante: ao ser entrevistada agora, por uma empresa que poderá lhe pagar um salário menor, não diga que você está aceitando somente para não ficar parada. Diga que você acredita que terá condições de progredir naquela empresa e por isso não vê problemas em aceitar uma redução salarial para começar nela.

Para você e muitos dos nossos ouvintes, lamento dizer que em situações como a atual, de crise, muitas empresas aproveitam para reduzir a folha de pagamento, trocando bons empregados que ganham decentemente por outros dispostos a ganhar menos. É uma crueldade e até imoral, mas infelizmente não é ilegal.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin