2016-05-28

Somente ignorar comentários só é bom quando se está por cima - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 27/05/2016, com um ouvinte que tinha um bom relacionamento com o seu chefe antigo, mas não manteve com o novo chefe.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

Somente ignorar comentários só é bom quando se está por cima

colegas de trabalho invejosos

"Estou passando por uma situação desagradável", um ouvinte escreve. "Eu tinha ótimo relacionamento com o gerente do meu setor. Embora eu não tivesse nenhum cargo, ele tinha muita confiança em mim e sempre me consultava. Por causa dessa proximidade, alguns colegas não me apreciavam, mas eu sempre ignorei essas demonstrações de inveja.

Pois bem, aquele gerente saiu da empresa, um gerente novo foi contratado e ele conversou em particular com cada subordinado. Nessas conversas, alguns disseram a ele que eu tinha privilégios e ele acreditou. Agora a situação se inverteu. O novo gerente me isolou e meus colegas estão curtindo o meu isolamento. O que posso fazer para voltar a contribuir, como fazia antes?"


Bom, eu começaria por lhe dizer que você talvez tenha cometido o erro de não tentar se aproximar mais de seus colegas na gestão anterior. Somente ignorar comentários, como você fez, só é bom quando se está por cima.

O que posso lhe sugerir é que você não tenha pressa. Já que não lhe será possível reverter o quadro em curto prazo, com palavras, você terá que revertê-lo com ações: trabalhando seriamente, mostrando competência e não dando motivos para que a impressão errada a seu respeito se materialize aos olhos do novo gerente.

Ele certamente estará observando o seu trabalho e o seu comportamento. Cabe a ele perceber que o gerente anterior tinha motivos para confiar em você. E cabe a você demonstrar, na prática, quais eram esses motivos.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin