2012-07-24

'Como escapar de um jantar organizado pelo chefe para estreitar relações com colegas de trabalho?' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 24/07/2012, com uma ouvinte que foi convidada pelo chefe para um jantar de confraternização com todos os colegas do setor.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Como escapar de um jantar organizado pelo chefe para estreitar relações com colegas de trabalho?'

jantar de trabalho

Uma ouvinte escreve para dizer que o chefe dela convidou todos os funcionários do setor para um jantar na casa dele. O motivo para a boca livre, segundo o chefe, é o de estreitar o relacionamento. A nossa ouvinte não gostou nem um pouco da ideia. Além disso, os cônjuges também estão convidados e o marido da nossa ouvinte diz que não vai, nem amarrado. E ela pergunta: "Como posso escapar dessa situação?"

Eu lamento dizer que não há como. Você pode até escapar de ir ao jantar, mas não escapará das consequências por não ter ido. Assim como você, eu também nunca fui fã dessa história de reunir os colegas e suas respectivas metades, fora do ambiente de trabalho.

Se os colegas não conseguem estreitar o relacionamento enquanto estão trabalhando, não é num jantar de duas horas que um descobrirá que o outro é muito melhor do que parece ser, durante oito horas por dia. Além disso, há o fato de que metade dos presentes, os ditos cônjuges, pouco ou nada têm a ver com a empresa e se sentirão deslocados porque certamente a empresa acabará sendo o assunto dominante nas conversas.

Agora, o outro lado da questão. Se todos forem e você não for, a sua ausência dará margens a interpretações. E nem todas elas serão de compreensão. Uma dúvida que certamente ficará no ar é se você tem algum problema com um ou mais colegas ou, pior ainda, com o chefe.

Eu lhe sugiro fazer o mais fácil. Vá e convença seu marido que a presença dele evitará que você acabe criando uma imagem ruim para a sua carreira, da mesma maneira que você iria a um jantar na empresa dele, se houvesse um convite.

Eu só lhe daria três dicas para evitar que um pequeno sacrifício de duas horas se transforme em um dissabor permanente: não beba nada alcoólico, fale pouco e não comente assuntos pessoais.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin