2015-06-22

'Chefe me censura quando aponto erros' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 22/06/2015, com um ouvinte que é censurado pelo chefe quando aponta erros na sua empresa.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Chefe me censura quando aponto erros'

bronca do chefe

Um ouvinte escreve: "Quando um empregado vê coisas erradas na empresa e é censurado pelo chefe quando as aponta, que decisão o empregado deve tomar?"

Ele pode tomar duas.

Existem empresas que, antes mesmo da contratação, afirmam que desejam empregados que pensem como se fossem donos da empresa. Nelas, opiniões e sugestões são bem-vindas, ouvidas e encaminhadas. E existem também empresas autocráticas, que contratam um empregado para executar a função para a qual ele será pago, e nada mais do que isso. Nelas, os problemas da empresa ficam por conta dos profissionais que estão sendo pagos para resolvê-los.

Então, voltando à sua pergunta. Se você é um empregado que se encaixaria muito bem em uma empresa liberal, que concede liberdade para que todos expressem as suas opiniões, mas está trabalhando em uma que é o contrário disso, você pode pedir a conta e mudar de empresa. Ou você pode permanecer onde está e tentar mudar o seu comportamento.

A pior situação é provavelmente essa que você está vivendo, a de parecer o único certo na empresa errada. Pode ser que você consiga encontrar um meio termo aceitável, sendo menos incisivo nas críticas, colocando-as de uma maneira mais polida e limitando-se a assuntos da sua própria função, e não da empresa como um todo. Se isso contraria a sua maneira de ser, o seu melhor caminho é a porta de saída, em direção a outra empresa, que aprecie empregados como você, atentos, francos e diretos.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin