2015-06-24

Dê ideias simples e que tragam menos riscos à empresa - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 24/06/2015, com um ouvinte que quer saber como suas ideias podem ser implantadas na sua empresa.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Dê ideias simples e que tragam menos riscos à empresa

ideias no trabalho

Um ouvinte escreve: "Estou cursando o sexto semestre de administração e trabalho na área de logística. Com base no que estou aprendendo na faculdade, tenho várias ideias para otimizar e fazer melhorias em meu setor. Mas a minha supervisora só quer fazer o trabalho dela e ir embora para casa e o gerente do setor não participa da operação. O que posso fazer para implantar as minhas ideias?"

Você pode começar com uma ideia, a que seja mais simples de ser implantada, que traga menos riscos e requeira pouco ou nenhum investimento. Faça uma proposta por escrito à sua supervisora, detalhando o que e quanto a sua empresa poderá ganhar com a sua ideia. Se mesmo assim você não receber aprovação, não adiantará nada você propôr outras ideias mais audaciosas e mais caras.

Porém, sendo otimista e supondo que você seja autorizado a tentar, e que a sua ideia funcione como você supõe que funcionará, parta depois para uma segunda sugestão. Sempre propondo uma de cada vez e sempre na ordem inversa de risco e investimento.

Agora, pensando na pior hipótese, a de que a sua criatividade seja tolhida, a lição que você poderá tirar do caso é a de que o chefe escolhe o subordinado, mas o subordinado não escolhe o chefe.

Um dia, você será chefe e terá o seu próprio estilo de chefiar. E um subordinado muito parecido com o que você é hoje, jovem, dinâmico, com boas intenções e boas ideias, irá lhe propôr mudanças em processos que você implantou e que estarão funcionando a contento. Quando isso acontecer, lembre-se do que você escreveu agora.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin