2016-04-06

Escrever durante a leitura ajuda a absorver melhor o conteúdo - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 06/04/2016, com uma ouvinte que tem que ler artigos técnicos, mas tem problemas em se concentrar nesses textos sem graça.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Escrever durante a leitura ajuda a absorver melhor o conteúdo

mulher lendo e tomando notas

Escreve uma ouvinte: "Em minha profissão, a atualização contínua é muito importante. E não estou falando de cursos, mas de leituras frequentes de artigos técnicos. Só que, confesso, eu não curto literatura técnica. É um tipo de leitura tão sem graça que eu me desconcentro rapidamente e quando chego no fim do parágrafo, já esqueci o que tinha lido no começo dele. Existe alguma maneira de eu passar a gostar de ler coisas que não gosto de ler?"

Sim, existe. Vá lendo e, ao mesmo tempo, escrevendo o que você leu, porém simplificando o texto original e adicionando a ele algum humor. Vou lhe dar um pequeno exemplo:

"Seres autótrofos produzem substâncias orgânicas que lhe servem como fonte alimentar."

São só 11 palavras, mas já dá dor de cabeça em quem não gosta de ler. Aí, você escreve:

"Autótrofo é uma daquelas palavras malucas que os gregos inventavam porque não deviam ter muito o que fazer. Quer dizer alimentar a si mesmo. Bebês não são autótrofos e é para isso que existem as mães."

Nos campos da economia, psicologia, filosofia e outros, muitos autores conseguiram sucesso literário simplesmente transformando conceitos entendidos apenas por catedráticos em frases facilmente assimiláveis pelos leigos. Você pode fazer o mesmo, criando um blog para desvendar a literatura técnica da sua área. Além de se atualizar, estaria fazendo uma gentileza a outros profissionais que também não curtem leituras complicadas. E que não devem ser poucos.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin