2017-11-13

Na hora da entrevista, a autocrítica dos candidatos é avaliada - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 13/11/2017, com uma resposta a uma pergunta de uma entrevista de emprego sobre autocrítica.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

Na hora da entrevista, a autocrítica dos candidatos é avaliada

entrevistador de emprego

Um ouvinte escreve: "Em um processo de seleção, fui solicitado a mencionar algo que eu tivesse feito de maneira incorreta e qual deveria ter sido o modo correto. Como todo empregado, eu tenho meus erros e acertos, mas estes do que aqueles, e não fico me martirizando por ter cometido um erro eventual. Qual seria a melhor resposta para esse tipo de pergunta?"

Ela tem dois objetivos. O primeiro é entender se você tem autocrítica, isto é, se admite ter errado. E o segundo é saber se você aprendeu com o seu erro e o que faria para que ele não se repetisse.

Posso lhe dar um exemplo entre muitos. Digamos que você conhecia bem o seu trabalho e por isso tomou uma decisão que não lhe competia tomar. Seu chefe criticou você por não tê-lo consultado e você entendeu onde ficava o limite entre o que você poderia fazer por conta própria e o que deveria receber permissão para fazer. E daí em diante, você passou a respeitar esse limite hierárquico.

Para o entrevistador, essa resposta significa que você reconhece seus erros, aceita críticas e passa a proceder segundo os padrões da empresa. Qualquer candidato poderia dizer a mesma coisa, mas um que consiga elaborar a resposta, citando um fato real, consegue se sobressair em relação aos demais.

Max Gehringer, para CBN.


Nenhum comentário:

Blog Widget by LinkWithin