2018-05-22

Sistema educacional não prepara os jovens para realidade do mercado de trabalho - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 22/05/2018, sobre como o sistema educacional brasileiro não prepara os jovens para o mercado de trabalho.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

Sistema educacional não prepara os jovens para realidade do mercado de trabalho

sala de aula vazia

Um ouvinte escreve: "Este é o meu primeiro emprego, mas acho que dei azar e entrei na empresa errada. Tenho visto aqui muitas coisas que contrariam as boas práticas de administração e o tratamento pessoal. Penso em mandar uma mensagem ao diretor, para levar ao conhecimento dele, fatos que ele talvez ignore. Ou isso, ou vou embora daqui. O que você me diz?"

Digo-lhe que você pode fazer as duas coisas simultaneamente, porque a primeira irá resultar na segunda.

O que você sente, e muitos jovens que ingressam no mercado de trabalho também estão sentindo, é um choque de tratamento.

Com as mudanças que foram implantadas no sistema educacional do país, desde o ensino fundamental, os alunos passaram a ser aprovados sem ter notas, não podem ser chamados a atenção pelo professor e não podem ter o seu desempenho comparado com os dos colegas.

Perto de tudo isso, o mercado de trabalho é um outro mundo. Desde o primeiro dia, vai existir cobrança, pressão e comparação direta.

Não é que as empresas tenham piorado, elas até melhoraram no quesito relações humanas. Mas o primeiro contato com a nova realidade costuma ser penoso, porque altera a dinâmica a que o estudante estava acostumado. O resultado tem sido a troca constante de empregos, uma ciranda que as empresas já não têm como evitar.

O que posso lhe dizer é que lá pelo terceiro emprego, você estará mais habituado, embora ainda não conformado.

Max Gehringer, para CBN.


Nenhum comentário:

Blog Widget by LinkWithin