2011-12-15

'Não consigo expor minhas ideias em reuniões' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 15/12/2011, sobre as causas que levam alguém a ser deixado de lado numa reunião, por causa de sua expressão ou a falta dela.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Não consigo expor minhas ideias em reuniões'

orador enfático

Um ouvinte se queixa: "Em reuniões", ele diz, "não consigo expor as minhas ideias. Quando começo a falar, sempre alguém me interrompe. Percebo que outros colegas, cujas ideias não são melhores que as minhas, falam à vontade e são ouvidos. Fico pensando se existe algo contra mim."

Não, não existe. Mas certamente deve existir algo contra a sua maneira de se expressar. Se você tentar se lembrar das primeiras reuniões que participou, posso lhe assegurar que as interrupções eram menos frequentes. Com o passar do tempo, seus colegas se desinteressaram em ouvi-lo, e as causas mais prováveis são essas:

Primeira: você demora a entrar no assunto.
Segunda: seu tom de voz não impõe o devido respeito.
E terceira: seus gestos não dão suporte às suas palavras.

Imagine agora uma situação com as três coisas juntas. Alguém começa a falar olhando para a mesa ou para as paredes. A voz da pessoa é fraca. E ela inicia a frase com uma explicação que não precisaria ser dada. Se você estivesse ouvindo essa pessoa, sentiria vontade de interrompê-la.

Agora, imagine outra cena, com você mesmo como personagem. Ao iniciar a exposição de uma ideia, você se levanta da cadeira e diz, olhando nos olhos dos presentes: "O mais importante nesse momento é..." Eu garanto que ninguém se atreveria a interrompê-lo.

Formular ideias, colocá-las por escrito e apresentá-las de viva voz são três aptidões diferentes. Você pode ser bom nas duas primeiras, mas é a terceira que irá consolidar a sua imagem de alguém que tem o que dizer e sabe o que está falando.

A boa notícia é que isso tem solução. Você pode fazer um curso de expressão verbal e melhorar a postura, o volume, a entonação e aprender mais alguns truques dos bons oradores. Mas principalmente, no curso você descobrirá que não ser ouvido com atenção é um problema de quem fala e não de quem não quer escutar.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin