2011-12-08

Chegar a cargo gerencial é exceção no mercado - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 08/12/2011, sobre como chegar a um cargo de liderança é a exceção e não a regra no mercado de trabalho.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Chegar a cargo gerencial é exceção no mercado

cargo gerencial

Pergunta oportuna de um ouvinte. Ele escreve: "Você sempre fala sobre aquele profissional que almeja grande sucesso em cargos de gerencia, diretoria, etc. Mas e aqueles casos como o meu, das pessoas que não têm espírito de liderança, não sabem dar ordens, mas são competentes?"

Bom, na verdade eu respondo às perguntas que me fazem. E a quase totalidade delas é enviada por ouvintes que não só querem progredir na carreira, como querem progredir rapidamente. Embora 90% das questões sejam nesse sentido, eu me arriscaria a dizer que apenas uns 20% das pessoas têm esse tipo de ambição.

Um outro ouvinte me perguntou porque eu recomendo tanto que as pessoas mudem de emprego. O motivo é o mesmo: é o número de consultas de profissionais que chegam a um ponto em que decididamente não dá para continuar no emprego atual. Só que esses ouvintes também são minoria. Eu diria que 80% das pessoas que estão empregadas não cogitam uma mudança. Ou porque estão satisfeitas, ou por receio de arriscar ou por acomodação.

Dito tudo isso, vou repetir algo que já falei em outra ocasião: chegar a um cargo gerencial é uma exceção. De cada 100 profissionais que ingressam no mercado de trabalho, somente 10 chegarão. Os outros 90 se manterão por muitos anos no mesmo emprego e na mesma função.

Isso é algum tipo de desonra? Não. É apenas o espelho do mercado de trabalho. Não dá pra todo mundo ser chefe, algo que não irá causar nenhuma revolução porque a maioria simplesmente não está interessada em ser chefe. Esses profissionais, competentes e realizados com o que têm, não precisam de sugestões e conselhos. A ambição deles é fazer cada vez melhor o que já fazem bem, sem se importar com cargos e promoções. Talvez, eles sejam os profissionais mais bem resolvidos do mercado de trabalho.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin