2013-09-11

'Fui promovido e não vou ganhar mais horas extras' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 11/09/2013, com um ouvinte que foi promovido e deixou de ganhar horas extras.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Fui promovido e não vou ganhar mais horas extras'

horas extras

Um ouvinte escreve: "Passei da euforia à depressão. Depois de dois anos em uma função de assistente, fui promovido a especialista. Meu gestor me deu a notícia, me cumprimentou por meu bom trabalho e me disse que meu salário seria reajustado de acordo com a faixa da nova função. Essa foi a parte da euforia.

Ao receber o primeiro pagamento com o aumento, veio a parte da depressão. O reajuste foi de apenas 6%, mas isso nem é o pior. Segundo as normas da empresa, especialista é cargo de confiança e por isso deixarei de receber horas extras. Como eu fazia horas extras quando era assistente, pelas minhas contas vou ganhar, quando muito, 1% mais do que ganhava. Como posso abordar essa situação com o meu gestor?"


Bom, você pode começar pelo fim, dizendo a ele que esperava mais. Se o seu gestor for preocupado e bem informado, e espero que ele seja, ele lhe dirá mais ou menos o seguinte:

Primeiro: hora extra não é salário, é uma situação anômala que cedo ou tarde acaba. E portanto não pode ser incorporada ao orçamento doméstico.

Segundo: você não deve avaliar a situação presente com uma visão de curtíssimo prazo. Você deu um passo na carreira e outros virão. E a próxima promoção será mais compensadora, porque já o encontrará em outro patamar.

Essas explicações são animadoras? Nem um pouco. Mas elas são verdadeiras. Se você ainda achar que deve falar com seu gestor, fale. Mas não creio que você terá bons argumentos para rebater os argumentos dele.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin