2014-04-01

Não cobre ex-gerente por algo que ele nunca prometeu - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 01/04/2014, com um ouvinte que se sente enganado por não ter sido considerado a uma vaga de coordenador.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Não cobre ex-gerente por algo que ele nunca prometeu

conversa no trabalho

Um ouvinte escreve: "Há 7 meses o gerente da minha área propôs que eu fosse transferido para outro setor, como forma de acelerar o meu desenvolvimento. Aceitei a proposta, feliz da vida, e até treinei um colega para me substituir na função. Pois bem. No mês passado, circulou a notícia de que seria aberta uma vaga de coordenador em meu antigo setor. Eu tinha a certeza de que seria chamado de volta para assumir essa vaga, mas não fui. Aquele colega que eu havia treinado é que foi promovido.

Estou chateado, com a impressão de que perdi meu tempo e pior: com a sensação de que fui enganado. Porque se eu tivesse recusado a transferência e permanecido onde estava, eu teria sido o primeiro a ser considerado para a promoção a coordenador. Devo ir perguntar a meu ex-gerente por que não fui, considerando-se que ele não é o gerente da minha área atual?"


Bom, eu lhe diria que sim, você deve ir conversar com ele porque, se você não for, a sua insatisfação só irá aumentar e isso poderá acabar influindo em seu desempenho na função atual. Nessa conversa, porém, evite cobrar seu ex-gerente por algo que ele nunca lhe prometeu.

Você, na verdade, não sabe se, caso tivesse ficado onde estava, teria de fato sido o primeiro a ser considerado para a vaga de coordenador. Pode ser que você tenha sido transferido porque o seu gerente ainda não via em você, condições para assumir uma futura liderança. E por isso mesmo, ele propôs a sua mudança de setor.

Então, caso você decida bater um papo informal com seu ex-gerente, procure ser positivo. Diga que você está aprendendo bastante e um dia gostaria de voltar a trabalhar com ele. Aí, você descobrirá se essa chance realmente existe.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin