2012-10-10

'O que fazer quando o gerente de uma multinacional não se adapta em uma empresa média?' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 10/10/2012, com um ouvinte que tem um chefe vindo de uma grande multinacional e que não consegue se adaptar em uma empresa menor.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'O que fazer quando o gerente de uma multinacional não se adapta em uma empresa média?'

multinacional

Um preocupado ouvinte escreve: "Trabalho em uma empresa média que quer ser grande. É bem provável que isso aconteça em cinco anos, porque o faturamente vem crescendo consistentemente já faz dez anos, e a direção investe bastante em pesquisa e novos equipamentos. Como parte desse projeto, ou sonho de grandeza, a direção contratou alguns novos gerentes, que vieram de empresas multinacionais.

Um desses gerentes assumiu a área em que eu trabalho e nós o recebemos cordialmente, porque somos todos antigos de casa e esperávamos aprender muito com ele. Tivemos uma grande decepção. Até agora, e já faz três meses, tudo o que o gerente fez foi criticar o que fazemos, apontar defeitos, reclamar que estamos atrasados e por aí vai. O ambiente, que era ótimo, ficou pesado. Você recomenda que a gente vá conversar diretamente com a direção sobre essa situação?"


Vamos lá. Em uma multinacional, um gerente não tem liberdade para tomar grandes decisões sozinho. Ele é uma peça importante de uma engrenagem, mas tudo o que ele faz está conectado a uma estrutura de suporte e apoio que se ramifica por diversas áreas. Essa estrutura funciona tão bem que se o gerente sair, ela continuará funcionando mesmo sem ele durante um bom tempo.

Ao contratar alguém com esse perfil, e que provavelmente só trabalhou em grandes corporações, a direção da empresa média assumiu erradamente que o gerente se daria melhor ainda em uma empresa de menor porte. O resultado normalmente é a insegurança que o nosso ouvinte está testemunhando. O novo gerente está sentindo falta da velha estrutura e sabe que não poderá construir uma igual em curtíssimo prazo.

Em minha opinião, vocês só precisam esperar mais um pouco. A direção de sua empresa não é ingênua e já deve ter percebido que contratou a pessoa errada. Agora, é só uma questão de tempo. Pouco tempo.

Max Gehringer, para CBN.

1 comment:

Anonymous said...

A blog like yours should be earning much money from adsense.

Blog Widget by LinkWithin