2012-10-12

Quatro respostas sobre aumento de salário - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 12/10/2012, com quatro perguntas sobre aumento de salário.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Quatro respostas sobre aumento de salário

como pedir aumento de salário

O tema de hoje é aumento de salário. Opa! Vou tentar responder a perguntas de quatro ouvintes sobre o tema.

Primeira: Ao solicitar um aumento, posso alegar um motivo pessoal, tipo problema financeiro? Não. Talvez empresas devessem ser mais compreensivas em situações assim, mas infelizmente elas não são. Uma empresa se mostra disposta a considerar um aumento quando sente que o problema é dela. Além disso, empresas evitam criar precedentes. Se um aumento fosse concedido a um funcionário que não consegue, por exemplo, pagar a prestação do carro, todos os outros funcionários em situação semelhante iriam usar o mesmo argumento.

Segunda pergunta: Posso alegar o recebimento de proposta de outra empresa? Sim, sem dúvida. Esse é o caso clássico em que o problema passa a ser da empresa. Ela sabe que contratar um novo funcionário, treiná-lo e depois esperar que ele se adapte e deslanche, irá sair muito mais caro do que conceder um reajuste a quem já conhece o trabalho. De todos os motivos para conseguir um aumento, uma proposta de outra empresa é o que mais funciona.

Terceira pergunta: Qual o melhor momento para abordar a chefia? É preciso entender a pessoa a quem será feito o pedido. Existem chefes que chegam de excelente humor pela manhã e existem outros que parecem ter caído da cama. O momento apropriado é quando o chefe está de bem com a vida.

Quarta pergunta: Se eu receber um NÃO, como devo reagir? Não é sábio sair irritado, chutando o cesto do lixo ou batendo a porta. A sugestão é agradecer a atenção do chefe e solicitar que ele passe objetivos para os próximos meses que, se cumpridos, possam resultar em um aumento. Chefes são especialistas em negar aumentos. Mas tendem a se mostrar mais receptivos a quem pede oportunidades para conseguí-los.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin