2012-10-19

'Como decidir se chegou a hora de mudar de emprego?' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 19/10/2012, com os oito sinais de que já chegou a hora de mudar de emprego. (Sobre o assunto, leia também: 'Como a gente descobre se já passou da hora de mudar de emprego?' e Os dez indícios de que chegou a hora de pedir demissão.)

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Como decidir se chegou a hora de mudar de emprego?'

smiley trabalhador decepcionado

Um ouvinte pergunta: "Como decidir se chegou a hora de mudar de emprego?"

Vamos lá. Há vários sinais bem evidentes de que continuar no emprego atual é perda de tempo. Porém, antes é preciso avaliar se um trabalho que provoca mal-estar ou indiferença é uma causa ou uma consequência.

Quem é alegre fora da empresa e triste dentro dela, certamente deve considerar uma mudança de emprego. Quem é irritado, passivo ou desconfiado o tempo todo, incluindo uma bela manhã de domingo, pode ter algum outro problema que esteja influindo na carreira profissional. Nesse caso, mudar de emprego não resolveria, porque o verdadeiro problema somente seria transferido de local.

Dito isso, aqui vão os sinais mais evidentes de que chegou a hora de ir embora:

Primeiro: levantar da cama para ir trabalhar é um sacrifício.

Segundo: as coisas ruins na empresa saltam à vista, e está cada vez mais difícil encontrar algum ponto positivo que amenize a situação.

Terceiro: não dá para entender por que os colegas sorriem e se divertem durante o expediente, já que não existe motivos para tanto.

Quarto: tudo é irritante: o barulho, o cheiro de um colega, a voz de outro, as conversas sem sentido, um chefe que não merece o cargo e por aí vai.

Quinto: uma compulsão de olhar continuamente para o relógio e descobrir que o tempo não passa.

Sexto: dizer não para qualquer convite ou sugestão. Participar de um encontro de colegas fora da empresa, nem pensar.

Sétimo: uma constante sensação de que as coisas, caso mudem, somente irão mudar para pior.

Oitavo: a falta de qualquer elogio ou reconhecimento durante um mês inteiro.

Cinco desses oito itens já seriam suficientes para considerar uma mudança. Mais que isso, a hora já passou faz tempo.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin