2016-07-13

'Preciso deixar de usar o verbo achar em reuniões?' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 13/07/2016, sobre o uso do verbo "achar" em reuniões.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

'Preciso deixar de usar o verbo achar em reuniões?'

falando em reuniões

Um ouvinte escreve: "Sou coordenador de um setor em uma grande empresa. Em minha avaliação anual, o meu gerente me disse que eu uso muito o verbo 'achar' quando emito opiniões em reuniões. Segundo ele, isso demonstra falta de confiança e pode me prejudicar em futuras promoções. O que ele disse me parece exagerado, porque sempre usei o verbo 'achar' para provocar discussões sadias em reuniões, e não para dar palpites sem entender do assunto. Será que preciso mudar o meu modo de me expressar?"

Não, não creio que você deva. O uso do verbo "achar" depende muito do cargo de quem o profere. Por exemplo, se numa reunião o presidente da sua empresa disser: "Eu acho que está na hora de pensarmos em outras opções", isso significa que o presidente acabou de dar uma ordem para que os subordinados mudem de direção, e não que ele está em dúvida.

Já nos patamares mais baixos da hierarquia, o achismo é mal visto quando alguém dá um palpite no trabalho de outro setor. Muitas vezes isso até soa como ofensa.

Por outro lado, você pode começar a dizer "eu acredito", "eu tenho certeza", mas o pessoal que estiver presente a reunião vai reagir da mesma forma que reagiria se você tivesse dito "eu acho", caso a sua proposta não tenha sustentação suficiente.

Mas você pode contentar o seu gerente mudando o sujeito da frase quando for emitir o seu parecer em uma reunião. Ao expor o seu ponto de vista, em vez de dizer "eu acho", pergunte: "O que vocês acham?"

Max Gehringer, para CBN.


1 comment:

CintiaYamane said...

Em reuniões com cliente, na hora de apresentar ou defender algum projeto, eu tento não usar o "eu acho"… no máximo, eu falo "na minha opinião, como designer…" XD

Blog Widget by LinkWithin