2011-04-27

'Devo relatar o comportamento antiético de colegas após pedir demissão?' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 27/04/2011, sobre a ética.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Devo relatar o comportamento antiético de colegas após pedir demissão?'

ética trabalho escritório
"Trabalhei um ano em uma empresa", escreve uma ouvinte, "e todos os dias eu ficava incomodada ao ver que alguns colegas só fingiam estar trabalhando e passavam horas acessando a internet. Em meu modo de ver, essas pessoas estavam lesando a empresa. Agora pedi a conta e estou em dúvida se devo relatar esse comportamento antiético dos colegas."

Vamos lá. Ética é algo que ninguém precisa explicar o que é. Todos sabemos o que devemos fazer e principalmente o que não podemos fazer, ou porque é ilegal ou porque é imoral.

A partir da nossa educação e da nossa avaliação, cada um de nós desenvolve um código pessoal de conduta no trabalho. Alguns podem achar que usar o tempo na empresa para atividades que nada têm a ver com a função, como escarafunchar a internet, é apenas uma maneira de relaxar um pouco. E outros podem achar que isso é totalmente errado e se sentem incomodados quando veem os colegas

A questão é: como devemos agir quando temos a certeza que a conduta do próximo está prejudicando a empresa? Será que faz parte da nossa obrigação profissional denunciar o fato? De certa forma, cada subordinado deve ser a extensão dos olhos e dos ouvidos do chefe? Ou a ética se aplica somente a nossa própria conduta, e se o chefe não vê o que está errado, o problema é dele?

Essas respostas, em minha opinião, precisam ser dadas durante, e não depois. Não se pode deixar para amanhã a ética de hoje. No caso da nossa ouvinte, a minha sugestão é que ela não se preocupe com a empresa que está deixando, e pense na atitude que ela tomaria no caso da empresa para onde ela for, também apresentar a mesma situação que a deixou incomodada na empresa anterior.

Max Gehringer, para CBN.

Nenhum comentário:

Blog Widget by LinkWithin