2012-01-13

'Sou estagiária e estou aflita para saber se serei efetivada' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 13/01/2012, sobre os três tipos de empresas em relação ao estágio.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Sou estagiária e estou aflita para saber se serei efetivada'

estágio

"Sou estagiária", escreve uma ouvinte, "e estou aflita para saber se vou ser efetivada, porque ninguém me fala nada."

Vamos começar lembrando que estágio é uma oportunidade para o jovem aprender como funciona uma empresa, enquanto ainda está estudando. Ou seja, um estágio é um fim em si mesmo.

Agora, vamos olhar o lado das empresas. Existem três casos bem diferentes.

O primeiro é o das empresas que usam o programa de estágio para identificar e contratar talentos. Essas empresas oferecem poucas vagas para estágio a cada ano, e o número de candidatos por vaga pode chegar aos milhares. Como o processo seletivo já é bastante apurado, 80% dos estagiários acabam sendo efetivados.

O segundo tipo de empresa é a que vê o estágio como uma maneira de evitar que seus funcionários efetivos executem trabalhos de menor importância, mas que precisam ser feitos. Empresas assim contratam um determinado número de estagiários por ano e todos são substituídos ao final do contrato. Eventualmente, um ou outro é efetivado, por exemplo, no caso de um funcionário efetivo pedir demissão.

E o terceiro tipo é o da empresa que utiliza o estagiário para reduzir custos. Não raramente, nessas empresas um estagiário trabalha um número de horas acima do que a legislação permite e executa tarefas semelhantes às dos empregados efetivos, mas ganhando um terço do que eles ganham e custando para a empresa um quinto do que eles custam.

Evidentemente, o primeiro tipo de empresa é o sonho de todo estagiário, mas numericamente é o que oferece menos vagas.

Então, a resposta para a aflição de nossa ouvinte depende do tipo de empresa em que ela está estagiando. Se for o terceiro, ela deve procurar outro estágio. Se for o segundo, as chances são baixas, mas existem. E se for o primeiro, ela está praticamente contratada.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin