2012-05-04

'Existe outra forma de ser demitido sem cometer erros ou perder o entusiasmo?' - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 04/05/2012, com um ouvinte que quer ser demitido por justa causa para conseguir o dinheiro, mas que não quer ficar enrolando no trabalho.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

'Existe outra forma de ser demitido sem cometer erros ou perder o entusiasmo?'

demissão

Um ouvinte escreve: "Tomei a decisão de abrir o meu próprio negócio, mas para isso preciso dos recursos que eu obteria se fosse dispensado pela empresa em que trabalho. Conversei com meu superior e ele me disse que é norma da empresa não dispensar quem não merece ser dispensado, o que é o meu caso. Ele sugeriu que eu pedisse a conta, porque a única diferença seria a multa sobre o Fundo de Garantia, que a empresa é obrigada a pagar no caso de dispensa sem justa causa. Acontece que o valor dessa multa está nas minhas contas para poder iniciar o meu negócio. Eu não gostaria de começar a encostar o corpo ou cometer erros propositais em meu trabalho para forçar uma demissão. Existe alguma outra solução?"

Hmm... Não. Ou você pede a conta ou é dispensado. Não há uma terceira opção.

O que acontece em casos como o seu, é que você irá acabar fazendo exatamente o que não quer fazer. Vai perder o entusiasmo e passar a cometer erros que nunca cometeu. Isso não vai ocorrer porque você bolou um plano maquiavélico. Vai acontecer porque você perderá naturalmente a concentração no trabalho.

A partir do momento em que você decide que vai mesmo sair, a sua rotina diária passa a ser a mesma de um empregado que está cumprindo 30 dias de aviso prévio, porque conseguiu um emprego melhor. A cabeça dele não está mais inteiramente voltada para o trabalho atual. Mesmo sem querer, ele passa longos momentos imaginando como será o próximo emprego. E aí, os erros e as omissões acontecem.

Diga a seu superior que esse é o seu caso. Que você não vai piorar o seu desempenho porque quer. Vai piorar porque não conseguirá evitar. Talvez ele entenda e o dispense já. Se ele insistir em mantê-lo, você terá que esperar até que ele mude de ideia. Minha experiência me diz que isso leva uns três meses.

Max Gehringer, para CBN.

2 comments:

Anonymous said...

Olá...

Está tudo bem? Sempre acompanho os posts do Max aqui no blog, e faz algum tempo que está sem atualizar. Acompanho no blog, pois aqui na empresa o proxy bloqueia o site da CBN porque está hospedado no globo.

;)

Anonymous said...

Olá...

Obrigado pelo empenho...

;)

Blog Widget by LinkWithin