2012-05-20

Fazer ou não cursos de profissões que não estão estabelecidas no mercado - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 10/05/2012, mais uma vez sobre dúvidas de jovens acerca de cursos superiores de profissões que ainda não estão estabelecidas no mercado de trabalho.

Áudio original disponível no site da CBN (link aqui). E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Fazer ou não cursos de profissões que não estão estabelecidas no mercado

formatura

Sistematicamente, jovens me escrevem solicitando a minha opinião sobre cursos superiores. A dificuldade que os jovens sentem e eu também sinto, é a de encontrar informações confiáveis sobre o que acontece após os alunos se formarem, principalmente nos casos daquelas profissões que não fazem parte dos organogramas da maioria das empresas.

Como um dos objetivos de um curso superior, e talvez o principal deles num primeiro momento, é o de proporcionar um ingresso rápido no mercado de trabalho, fica a dúvida: será fácil encontrar um estágio ou um emprego? Ou o jovem somente descobrirá, no último ano da faculdade, que talvez tenha escolhido um curso que oferece uma vaga para cada cem formandos? As faculdades não podem responder, porque elas não continuam mantendo contato com os alunos depois que eles se formam, salvo em raríssimos casos.

Por isso, a minha resposta para quem me consulta é a seguinte: se você pretende fazer um curso cuja profissão ainda não está estabelecida no mercado, faça. Mas faça sabendo que você dificilmente conseguirá um emprego na sua área de formação apenas enviando currículos ou se cadastrando em sites. Será preciso manter contatos com pessoas ou associações que possam indicar você diretamente para uma vaga.

Se essa possibilidade de conseguir uma indicação lhe parece remota, minha sugestão é que você opte por um curso mais genérico, como Administração, que garante um leque maior de vagas, já que em qualquer empresa há uma área administrativa.

Em resumo, se você não conhece uma única pessoa que fez um determinado curso e conseguiu um emprego naquela área, a possibilidade de que você consiga é bem pequena. Isso não significa que você deva desistir de seu projeto profissional. Significa que você ainda não tem informações suficientes para tomar a melhor decisão.

Max Gehringer, para CBN.

No comments:

Blog Widget by LinkWithin