2012-05-18

A soturna fotografia surreal com mulheres de Helen Warner

Helen Warner é uma fotógrafa que mora na Irlanda do Norte e que se orgulha de não usar Photoshop em suas fotografias. O que é surpreendente, uma vez que você olha as imagens produzidas pela artista, que muitas vezes parecem mais pinturas digitais do que fotografias, especialmente devido ao uso da luz natural e elaborados cenários e figurino.

Sem um processo definido, a artista recorre à inspiração e à imaginação, que interagindo com os diversos elementos que irão compor a imagem final, influenciam e moldam as suas ideias. Ou como ela mesmo explica: "Eu posso ficar bastante assustada com a minha própria imaginação. Eu deixo ela fazer o trabalho dela e nunca tento prendê-la com rascunhos definidos. Uma ideia pode seguir numa direção completamente diferente no dia. Eu sou uma grande crente em deixar muitas coisas ao acaso. O clima, as modelos, a locação, tudo isso pode trazer coisas novas para a foto final. Qualquer coisa pode despertar uma ideia, é só uma questão de deixar seus olhos e sua mente abertos."

Warner consegue através do uso da luz, criar imagens que têm um clima soturno, por vezes até um pouco macabro. Junte-se a isso o uso de elementos reais mas que dão toques surreais a algumas das fotografias, e temos um trabalho fascinante, que ao mesmo tempo que não parece se passar no nosso mundo, somente usa elementos dele. Ou, como define a própria fotógrafa, ela "tenta capturar as emoções intensas de um mundo de imaginação, onde um teatro congelado se passa em longínquas e esquecidas terras. Vamos escapar da realidade, apenas por um momento..."

Vejam as soturnas fotografias surreais de Helen Warner:

helen warner fotografia soturna sombria

"Ela dorme enquanto a neve cai".

helen warner fotografia soturna sombria

"Roubados". O contraste dos morangos vermelhos com a mulher e a paisagem brancas, congeladas, é muito interessante.

helen warner fotografia soturna sombria

Balões.

helen warner fotografia soturna sombria

"Araneus". Envolta em teias de aranha.

helen warner fotografia soturna sombria

"Fada do Inverno".

helen warner fotografia soturna sombria

"Criança da água negra".

helen warner fotografia soturna sombria

"Noiva do espinheiro negro".

helen warner fotografia soturna sombria

"Carregue as almas perdidas". Corvo e a mulher de preto num cenário desolado.

helen warner fotografia soturna sombria

"Caçando fantasmas".

helen warner fotografia soturna sombria

"Crisálida".

helen warner fotografia soturna sombria

"Invernos eternos".

helen warner fotografia soturna sombria

"Querida Grace". Mulher toda de preto, com uma asa negra, na beira do mar.

helen warner fotografia soturna sombria

"Eclodida".

helen warner fotografia soturna sombria

"Ikebana".

helen warner fotografia soturna sombria

"Portais".

helen warner fotografia soturna sombria

"O vestido de Meliae". Vestido de folhas inspirado em ninfas.

helen warner fotografia soturna sombria

"A floresta está chamando". Mãos e braços se fundindo a galhos de árvores.

helen warner fotografia soturna sombria

"O sentido de um fim". Deitada numa cama flutuando no mar.

helen warner fotografia soturna sombria

"Inclinando o veludo".

helen warner fotografia soturna sombria

"Branco sublime".

Imagens via flickR de Helen Warner. Dica via Trendland - Helen Warner: Photography.

1 comment:

Albuq said...

Uauuuu, esse fotógrafo é muito bom! Surpreendente!

Blog Widget by LinkWithin