2018-08-07

Não perca tempo com mensagem de despedida para quem não fará diferença - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 07/08/2018, com uma ouvinte que está saindo da empresa e quer saber o que escrever em uma carta de despedida.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/==========================================================================

Não perca tempo com mensagem de despedida para quem não fará diferença

mulher se despedindo

Escreve uma ouvinte: "Pedi a conta da empresa em que trabalho, e estou pensando em como redigir uma mensagem de despedida para meus colegas. Uma que seja profissional, mas que, ao mesmo tempo, demonstre meu prazer em ter trabalhado aqui e minha gratidão por tudo o que me foi ensinado."

Certo, vamos lá. Se você trabalha em um setor com mais de uma dúzia de colegas, é bem pouco provável que você dedique a todos eles, exatamente o mesmo sentimento de gratidão, confiança e respeito profissional.

Nesse caso, qualquer mensagem dirigida a todos, com o mesmo teor, não impediria você de fazer o que, com certeza, você fará, que é ter uma conversa pessoal com cada um dos colegas mais chegados, explicar a eles por que está saindo e para onde vai. E certificar-se de que ficará com os contatos deles, e eles com o seu.

Por outro lado, se o seu local de trabalho for do tipo normal, haverá nele pessoas das quais você preferiria se despedir com um simples aceno de mão a vinte metros de distância.

Se você sair em bons termos pessoais e profissionais com 80% dos seus colegas, isso lhe garantirá uma apreciável rede de futuros contatos.

Aos outros 20%, aqueles que por qualquer motivo, não caíram em suas graças, e nem você nas deles, uma mensagem de despedida será pura perda de tempo.

Sugestão: não seja descortês, só ignore. Há chatos e pernósticos em qualquer empresa. E ignorá-los na saída produz uma agradável sensação de alívio profissional.

Max Gehringer, para CBN.


Nenhum comentário:

Blog Widget by LinkWithin